Fast Clube recebe o GAS-RR precisando vencer para seguir vivo na Série D

O técnico elencou os trabalhos que efetuou com a equipe no período visando o jogo deste sábado

Manaus – “A vitória não pode ser adiada”. A frase do técnico Ricardo Lecheva dá o tom da importância da partida entre Fast Clube e Grêmio Atlético Sampaio, o GAS, de Roraima, neste sábado (31), às 17h, no estádio da Colina, na zona oeste de Manaus. Vindo de quatro derrotas consecutivas, o Tricolor necessita do triunfo se quiser manter chances de classificação na Série D do Campeonato Brasileiro.

Sem poder contar com o zagueiro Guigui, suspenso, e com a chegada de alguns jogadores vindos da base do clube, Lecheva aproveitou a semana para tentar ajustar o time. O técnico elencou os trabalhos que efetuou com a equipe no período visando o jogo deste sábado.

Foto: Divulgação/Fast Clube

“Tivemos uma semana cheia, treinamos várias situações rotineiras no futebol: sistema defensivo, maior encaixe da defesa, maior balanço defensivo, aproximação e jogadas apoiadas de ataque e transições, assim como finalizações. Enfim, fizemos um pouquinho de tudo”, disse o comandante apostando suas fichas numa melhora após as duas derrotas para o Castanhal-PA.

“Espero que esse ajuste que tentamos colocar possa ser visto dentro da partida e que isso coloque nossa equipe num rendimento melhor do que foi nas das últimas partidas. Mesmo levando em consideração que pegamos a melhor equipe da chave (Castanhal-PA) e uma das melhores da competição”.

Vencer ou vencer

Na sétima colocação do Grupo A, com apenas 6 pontos, e a cinco da zona de classificação à fase mata-mata da Série D, o Tricolor não sabe o que é vencer desde o dia 19 de junho, quando venceu o Penarol. Lecheva foi enfático ao afirmar que a vitória contra os roraimenses é fundamental para as pretensões do time no restante da competição.

“A necessidade de vitória agora não pode ser adiada pro próximo jogo. Precisamos vencer essa partida pra continuarmos vivos na competição, e sabemos que o adversário também precisa reagir. Então, acho que vai ser um jogo franco, e espero que nossa equipe esteja numa tarde mais feliz e consiga voltar ao caminho das vitórias”, concluiu Lecheva.

Anúncio