Após início ruim no Paulistão, Carille deixa comando técnico do Santos

No comando de Carille, o Santos somou apenas duas vitórias, três empates e duas derrotas

São Paulo – Fábio Carille não é mais técnico do Santos. O treinador não resistiu ao início ruim no Campeonato Paulista, somado a derrota por 3 a 2 para o Mirassol, pela sétima rodada da competição. Neste ano, sob o comando de Carille, o Peixe somou apenas duas vitórias, três empates e duas derrotas.

Após início ruim no Paulistão, Carille deixa comando técnico do Santos (Foto: Edu Garcia / R7)

No clássico diante do São Paulo, no domingo (20), na Vila Belmiro, quem comandará o time será o auxiliar Marcelo Fernandes, que assume de forma interina. Internamente, a insatisfação com o trabalho de Carille não era tão diferente em relação a torcida, que cobrava um desempenho melhor e mais consistente do Peixe neste início de temporada.

Ao todo, Carille comandou o Santos em 27 partidas, com nove vitórias, 10 empates e oito derrotas, aproveitamento de 45,6%. O técnico chegou em setembro do ano passado e cumpriu o grande objetivo de sua contratação: evitar o rebaixamento do Peixe no Campeonato Brasileiro.

O Alvinegro conseguiu retomar as vitórias no ano passado e se manteve na Série A, o que credenciou Carille a continuar em 2022. No entanto, depois de resultados questionáveis, o primeiro tempo contra o Mirassol, quando o time tomou três gols em menos de 15 minutos, escancarou a falta de evolução da equipe.

Anúncio