Com contrato de dois anos, Hernan Crespo é o novo técnico do São Paulo

A diretoria aposta em seu perfil para que o time seja mais competitivo e eficiente principalmente nos momentos decisivos da temporada

São Paulo – O São Paulo finalizou as negociações para a contratação do seu novo técnico nesta sexta-feira. Hernan Crespo assinou contrato por dois anos e desembarcará na capital paulista na próxima segunda ou terça-feira.

Crespo chegará ao Morumbi com mais cinco profissionais: Juan Branda, auxiliar técnico, Alejandro Kohan e Gustavo Satto, preparadores físicos, Gustavo Nepote, preparador de goleiros, e Tobias Kohan, analista de desempenho.

(Foto: Reprodução/Twitter)

O custo de Hernan Crespo e sua comissão será de 1 milhão de reais por mês. O São Paulo fechou o acordo em dólar e irá gastar o dobro do que gastava com Fernando Diniz, seus auxiliares e preparador físico.

Após uma longa novela, o Tricolor, enfim, finalizou um acordo que custou a se realizar. Hernan Crespo também estava na mira da seleção chilena e do Santos, mas o São Paulo acabou levando a melhor na disputa, atraindo o argentino pela boa proposta financeira e também pela sua tradição no continente, embora não viva um dos melhores momentos de sua história.

Crespo, que ainda dá seus primeiros passos como treinador de futebol, recentemente venceu a Copa Sul-Americana à frente do modesto Defensa y Justicia com uma campanha invicta. A diretoria aposta em seu perfil para que o time seja mais competitivo e eficiente principalmente nos momentos decisivos da temporada.

Ainda não há uma definição de quando o argentino começará os trabalhos, mas a tendência é que seja apenas ao fim do Campeonato Brasileiro. Restando apenas quatro jogos para o fim da competição, o São Paulo ainda busca confirmar uma vaga direta à fase de grupos da Libertadores sob o comando do técnico interino Marcos Vizolli, que é auxiliar fixo do time profissional.

Anúncio