Conmebol confirma rodada tripla em outubro das Eliminatórias da Copa de 2022

A Seleção Brasileira terá pela frente a Venezuela, a Colômbia e o Uruguai na disputa por uma vaga no Mundial do Catar

São Paulo – A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) confirmou nesta segunda-feira (13) a realização de mais uma rodada tripla, desta vez em outubro, das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, que será realizada no Catar. O Brasil volta a campo primeiro para enfrentar a Venezuela, fora de casa, no dia 7, na sequência a Colômbia, também como visitante, três dias depois, e por último o Uruguai, no dia 14, na Arena Amazônia, em Manaus.

Seleção brasileira terá mais uma rodada tripla na briga por uma vaga na Copa do Mundo do Catar (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Neste mês, a competição que classifica quatro seleções diretamente ao Mundial – o quinto colocado disputará uma repescagem – teve a sua primeira rodada tripla. Nela, o Brasil derrotou o Chile por 1 a 0, em Santiago, e o Peru por 2 a 0, na Arena Pernambuco, no Recife.

O clássico contra a Argentina, em São Paulo, no último dia 5, foi interrompido, e depois suspenso, por conta da presença de quatro jogadores argentinos que não poderiam, segundo a Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa), estar no Brasil por terem passado pelo Reino Unido nos 14 dias anteriores ao jogo, que teve apenas pouco menos de cinco minutos de bola rolando.

Essas rodadas triplas estão acontecendo agora, depois da permissão da Fifa por mais tempo em suas Datas Fifa, porque duas rodadas de março deste ano foram adiadas por conta da pandemia do novo coronavírus e não há mais datas disponíveis até março do ano que vem para a Conmebol realizar esses jogos atrasados.

A convocação da Seleção Brasileira para esses duelos de outubro será nesta sexta-feira. A expectativa é pela presença ou não de jogadores que atuam na Inglaterra. Neste mês, nove atletas foram impedidos de se apresentarem depois que seus clubes alegaram que eles precisariam passar por uma quarentena na volta e seriam desfalques em duelos da Liga dos Campeões da Europa.

Anúncio