Ex-Flamengo, Gerson explica influência de Sampaoli em contratação do Olympique

Volante e treinador conversaram pelo telefone antes do acerto; estreia na França ainda não está definida

França – Recentemente, a torcida do Flamengo enfrentou uma das despedidas mais difíceis dos últimos tempos. Isso porque Gerson deixou o clube para acertar com o Olympique de Marselha, da França. Agora, como volante do time francês, o jogador explicou como o treinador argentino Jorge Sampoli influenciou diretamente em sua contratação.

Velhos conhecidos no futebol brasileiro, Gerson defendia o Flamengo quando enfrentou Sampaoli (ex-técnico do Santos e do Atlético-MG) em três oportunidades. De acordo com o volante, é sempre difícil encarar as equipes comandadas pelo argentino. Não à toa, no “confronto direto” entre os dois, o treinador se deu melhor com duas vitórias e apenas uma derrota. Agora, no mesmo lado, o camisa 8 destacou a confiança depositada nele.

Gérson, com a camisa do Olympique de Marselha (Foto: Jonathan Bartolozzi/Olympique de Marselha)

“Falei com ele por telefone. A gente fica muito feliz quando um treinador, mesmo sem ter trabalhado com você, te passa uma confiança enorme, de te querer no clube. Você se sente importante, sem sequer um dia ter trabalhado com o treinador. Te passa confiança. Joguei contra ele duas ou três vezes. Ganhei uma, perdi outra. Por todo clube que ele passa, monta uma grande equipe. É sempre difícil jogar contra equipes dele”, disse.

Com a venda de Gerson, o Flamengo embolsou cerca de 25 milhões de euros (aproximadamente R$ 147,2 milhões na cotação atual) para seus cofres. O clube da Gávea manteve 20% dos direitos econômicos do volante e ainda pode receber mais 5 milhões de euros (R$ 29,4 milhões) caso o jogador alcance as metas pré-estabelecidas em contrato.

Após ter assumido a camisa 8 da equipe comandada por Sampaoli, Gerson aguarda sua estreia pelo Olympique de Marselha. O primeiro compromisso oficial do volante pelo novo clube será contra o Montpellier, pela estreia no Campeonato Francês, fora de casa, no dia 8 de agosto.

Anúncio