Flamengo busca 2º troféu no ano

Menos de uma semana após ganhar a Supercopa do Brasil, o time tentará levantar seu segundo troféu em 2020, neste sábado (22), diante do Boavista, em casa

Rio de Janeiro – É verdade que a Taça Guanabara não tem mais a importância que outrora possuía, mas para a torcida do Flamengo isso importa pouco. Em uma das épocas mais felizes da história do clube, os rubro-negros só querem festejar, e eles poderão comemorar mais um título neste sábado (22), às 17h (de Manaus), contra o Boavista, no Maracanã.

Rubro-Negros estão esperançosos pela conquista da 22º Taça Ganabara (Foto: Alexandre Vidal/CRF)

Como sua equipe está no meio de outra decisão, a Recopa Sul-Americana, Jorge Jesus pode escalar uma formação mista neste sábado, ou mesmo reserva. Mas o mais provável, porém, é que o português coloque em campo seu time principal.

Certo mesmo é que o Flamengo não terá contra o Boavista o zagueiro Rodrigo Caio e o atacante Bruno Henrique. Ambos se machucaram contra o Independiente del Valle – Rodrigo sofreu uma lesão muscular e Bruno teve um problema no joelho direito. Na zaga, existe a possibilidade de Léo Pereira fazer dupla com Gustavo Henrique, já que o ex-jogador do Athletico-PR se recuperou de uma lesão muscular. Se ele não puder jogar, o jovem Thuler será escalado.

No ataque, a briga é boa. Pedro e Pedro Rocha são os principais candidatos a substituir Bruno Henrique, mas Vitinho também tem lá as suas chances. Jorge Jesus não vai desfazer esse mistério até minutos antes da partida.

Caso haja empate no tempo regulamentar neste sábado, o título da Taça Guanabara será decidido nos pênaltis, sem prorrogação. Quem vencer estará automaticamente classificado para a decisão do Carioca.

Anúncio