Flamengo joga bem e goleia o Americano no Maracanã

O time rubro-negro aproveitou a fragilidade do Americano para golear o adversário no Maracanã por 4 a 1, com um dos gols anotado por Gabriel Barbosa, o seu primeiro desde que chegou ao novo clube

Rio de Janeiro – Depois de dez dias sem entrar em campo, o Flamengo voltou a atuar neste domingo (24) e não decepcionou. Diante de seu torcedor, o time rubro-negro aproveitou a fragilidade do Americano para golear o adversário no Maracanã por 4 a 1, com um dos gols anotado por Gabriel Barbosa, o seu primeiro desde que chegou ao novo clube. Foi a estreia das duas equipes na Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca.

Time rubro-negro aproveitou a fragilidade do Americano para golear o adversário no Maracanã por 4 a 1 (Foto: Alexandre Vidal/CR Flamengo)

Com uma atuação consistente, de modo que os reforços se soltaram e mostram mais do que vinham apresentando, o Flamengo não teve dificuldades para superar o Americano. Arrascaeta foi titular, Gabigol marcou seu primeiro gol com a camisa rubro-negra e Vitinho fez dois, desencantando neste ano, e Diego sacramentou o triunfo.

O time de Abel Braga parece ter aproveitado os dias livres de treino. Entretanto, ainda é cedo para dizer se a equipe encaixou O grande teste será no dia 5 de março, uma terça-feira, data da estreia na Copa Libertadores diante do San José, na Bolívia.

O jogo

O Flamengo precisou de menos de um minuto para abrir o placar no Maracanã. Vitinho, em baixa e criticado por alguns torcedores, não desapontou Abel por ter sido titular e desencantou. O atacante recebeu cruzamento de Pará na medida e cabeceou com precisão. Comemorou de forma efusiva, de certa forma uma desabafo.

O time rubro-negro ficou perto de ampliar. Arão acertou cabeçada no travessão e Diego exibiu boa defesa do goleiro Luiz Henrique. O Americano assustou com Flamel, em chute forte defendido por Diego Alves.

Na etapa final, o Flamengo encaixou de fato e construiu a vitória naturalmente. É certo que teve a ajuda do rival, que não ofereceu qualquer resistência e cometeu erros bobos na defesa. Vitinho ampliou aos três minutos. Bem colocado, o atacante pegou rebote de finalização de calcanhar de Gabriel na trave e marcou o segundo.

Três minutos depois, saiu, enfim o que Gabriel tanto perseguiu nos últimos jogos. Depois de muito insistir, o atacante recebeu de Arrascaeta na esquerda e finalizou para o gol. Ainda teve sorte pois a bola desviou no marcador, que vinha em velocidade e tentou bloquear o chute.

Tranquilo na partida, o Fla enfileirou chances desperdiçadas e viu o Americano descontar aos 37 minutos, com o zagueiro Espinho O defensor subiu bem e acertou cabeceio quase no ângulo de Diego Alves. Nada que atrapalhasse a tarde flamenguista, ao passo que a equipe rubro-negra ainda fez o quarto. Berrío encontrou Diego na área e o meia bateu de esquerda, no canto, para transformar o placar em goleada.

O Flamengo volta a campo na próxima quinta-feira (28), às 21 horas, na abertura da segunda rodada da Taça Rio contra a Portuguesa no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O Americano tenta se reabilitar diante da Cabofriense, em Bacaxá. O duelo será sábado, 2 de março, às 16h30.

FICHA TÉCNICA:

FLAMENGO 4 x 1 AMERICANO

FLAMENGO – Diego Alves; Pará (Rodinei), Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Cuéllar, Willian Arão (Henrique Dourado) e Diego; Arrascaeta, Vitinho (Berrío) e Gabriel. Técnico: Abel Braga.

AMERICANO – Luis Henrique; Léo Rosa (Sanderson), Espinho, Júnior Santos e Vandinho; Abuda, Marquinhos, Leozinho (Gustavo Tonoli) e Flamel; Romário (Matheus Gama) e Rafinha. Técnico: Josué Teixeira.

GOLS – Vitinho, a um minuto do primeiro tempo. Vitinho, aos três, Gabriel, aos seis, Espinho, aos 37, e Diego, aos 40 minutos do segundo tempo.

CARTÃO AMARELO – Marquinhos (Americano).

ÁRBITRO – Marcelo de Lima Henrique.

RENDA – R$ 578.979,00.

PÚBLICO – 24.854 pagantes (26.405 no total).

LOCAL – Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ).