Gómez, Hulk e Gabigol são finalistas do prêmio Rei da América de 2021

Gustavo Gómez é o único jogador do Palmeiras entre os finalistas do prêmio Rei da América

O prêmio Rei da América definiu nesta segunda-feira seus quatro finalistas. Bicampeão da Libertadores em 2021, Gustavo Gómez é o único representante do Palmeiras na disputa. O zagueiro paraguaio compete ainda com os brasileiros Hulk, do Atlético-MG, e Gabigol, do Flamengo, além do atacante argentino Julián Álvarez, do River Plate.

Gustavo Gómez é o único jogador do Palmeiras entre os finalistas do prêmio Rei da América (Foto: Cesar Greco / S.E Palmeiras)

Hulk foi artilheiro do Campeonato Brasileiro em 2021 (com 19 gols) e ajudou o Atlético-MG a chegar às semifinais da Libertadores, sendo eliminado pelo campeão Palmeiras. Gabigol carimbou a artilharia da principal competição continental, assinalando 11 gols. Julián Álvarez, de 21 anos, foi campeão argentino com o River Plate.

Único defensor na disputa, Gustavo Gómez se destacou na campanha do título da Libertadores, conquistado há um mês em Montevidéu sobre o Flamengo, ao iniciar a jogada do primeiro gol do Palmeiras na decisão. O paraguaio foi o responsável pelo lançamento que encontrou Mayke na ponta. O lateral-direito cruzou e Raphael Veiga balançou as redes.

O último vencedor da premiação entregue pelo jornal uruguaio El País foi o atacante Marinho, do Santos, fugindo à tradição de entregar o prêmio para atletas campeões da Libertadores. O Santos ficou em segundo lugar. Gabigol e Luan (Corinthians) ganharam o título de melhores da América em 2019 e 2017, respectivamente. Neymar já levou o troféu duas vezes, em 2011 e 2012.

A eleição do Rei da América ficará aberta no site do periódico uruguaio ao longo da noite desta segunda-feira. O jornal também elegerá o time ideal e o melhor treinador de 2021.

Anúncio