Governo flexibiliza horário de A Voz do Brasil em dias de jogos

A medida vale para a transmissão dos jogos de futebol da Seleção Brasileira, enquanto perdurar o estado de calamidade pública decorrente da pandemia

Brasília – O Ministério das Comunicações publicou, no Diário Oficial da União desta terça-feira (17), portaria que autoriza a flexibilização do horário de retransmissão do programa A Voz do Brasil além dos horários originalmente previstos, no caso de emissoras que desejarem transmitir jogos de futebol da Seleção Brasileira.

A medida vale tanto para a Seleção masculina quanto feminina, enquanto perdurar o estado de calamidade pública decorrente da pandemia.

A flexibilização do horário do programa valerá para transmissões de jogos com início marcado entre as 19h e as 20h30 (Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil)

De acordo com a Portaria nº 1.394, a flexibilização do horário valerá para transmissões de jogos com início marcado entre as 19h e as 20h30, desde que o programa seja transmitido sem cortes, iniciando até as 23h do mesmo dia.

No caso da transmissão de jogos com início marcado para depois das 23h30, o programa deverá ser retransmitido, sem cortes, antes do jogo, nos horários originalmente previstos ou até as 23h30 do mesmo dia.

A portaria prevê a possibilidade de não transmissão de A Voz do Brasil em duas situações. A primeira, no caso em que o jogo seja estendido por causa de prorrogação ou disputa de pênaltis, o que impediria seu término até os horários limites. Também está prevista a possibilidade de não transmissão nos casos em que ocorra “alguma situação de força maior durante o jogo, que impeça seu término até os horários limites fixados para início da retransmissão”.

A Seleção Brasileira joga nesta terça-feira, pelas eliminatórias da Copa do Mundo, contra o Uruguai. A partida tem início previsto para as 20h.

Anúncio