Iranduba é derrotado e entra na zona de rebaixamento no Brasileiro Feminino

O Hulk estava com um ponto a menos que a equipe do Minas, de Brasília, e precisava da vitória

Manaus – O Iranduba da Amazônia foi derrotado na tarde desta segunda-feira (05) pelo Placar de 2×0 na Arena da Amazônia. O adversário foi o Minas Brasília (DF), que foi a 14 pontos, deixando o Iranduba na zona de rebaixamento com apenas 10 pontos, faltando duas rodadas para o fim da primeira fase.

(Foto: João Normando /Iranduba)

O Hulk estava com um ponto a menos que a equipe de Brasília. Precisava da vitória para ultrapassar o Minas e jogar o time do planalto central para a zona de rebaixamento. Mas o que se viu, desde o início de jogo foi a equipe brasiliense melhor e impondo seu jogo.

Só aos 26 minutos que a goleira do Iranduba conseguiu fazer uma defesa. No chute da lateral Suzana de fora da área. Nos primeiros 40 minutos, a equipe do Minas jogava no ataque, mas não conseguia criar oportunidades de gols. Já o Iranduba tentava nos contra-ataques, mas sem sucesso. As goleiras não tinha muito trabalho.

Aos 40 minutos do primeiro tempo, houve lançamento na área, a meia Katrine tentou dominar, mas a bola escapou e sobrou para a meia bárbara que chutou forte a abriu o placar para o Minas.

A equipe brasiliense ainda teve duas chances de fazer o segundo ainda no primeiro tempo. Aos 43, na cobrança de falta da meia Robinha e aos 49, na finalização livre da Barbara, a goleira do Iranduba, Stefane foi muito bem e evitou o gol.

(Foto: João Normando /Iranduba)

Na segunda etapa, o Iranduba começou bem e foi para o ataque, mas não conseguia criar boas oportunidades. Aos seis do segundo tempo Luana Grabias assustou a goleira Thalya do Minas em um chute cruzado que passou perto.

Só que aos 10 minutos, em um contra-ataque, a meia Robinha lançou a volante Steff que cruzou para a outra meia Bárbara, só empurrar para o fundo do gol e fechar o placar.

O gol foi um balde de água fria na equipe amazonense que não demonstrou reação e a equipe adversária quase faz o segundo em um chute de fora da área que a Robinha arriscou, mas a goleira Stefane jogou para escanteio.

O Iranduba criou a melhor chance aos 21 minutos, no cruzamento da ala Brenda que a atacante Paulinha finalizou a bola passou perto do gol.

E aos 47 minutos, a meia Cithia chutou e a bola bateu na mão da Marcela Hulk. Pênalti para o Iranduba. Na cobrança, Brenda chutou para fora e perdeu a oportunidade de fazer o gol de honra e o jogo acabou 2×0 para o Minas Brasília.

A equipe de Brasília ocupa a 12ª posição com 14 pontos e o Iranduba está em 13º, na zona de rebaixamento com 10 pontos. Faltam duas rodas para o fim da competição. O Hulk jogará com Kindermann (SC), fora, no dia 11,e Palmeiras, em casa, no dia 18. E a equipe do Distrito Federal jogará com Cruzeiro, fora de casa, no dia 10, e diante Internacional, no dia 18, em seus domínios.

Anúncio