Luis Suárez estreia pelo Grêmio com três gols em 37 minutos

O Grêmio conquistou a Recopa Gaúcha em meio à goleada sobre o São Luiz

Porto Alegre – Luis Suárez estabeleceu uma marca histórica na estreia do reforço mais badalado do Grêmio. O uruguaio fez três gols em 37 minutos em meio à goleada sobre o São Luiz por 4 a 1 que rendeu a conquista da Recopa Gaúcha.

Luis Suárez e a taça da Recopa Gaúcha vencida pelo Grêmio (Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio)

Suárez precisou de menos de cinco minutos para deixar sua marca pela primeira vez com a camisa tricolor e fazer a festa dos quase 50 mil gremistas na Arena. Após saída errada da defesa do São Luiz, Ferreira recebeu e tocou rápido para Suárez. O camisa 9 completou para o gol por cobertura com apenas um toque na bola.

Ao todo, esta é a oitava partida de estreia do Pistolero, tendo feito antes duelos deste tipo em duas passagens pelo Nacional (vindo da base e voltando da Europa) além de Groningen-HOL, Ajax (ambos no futebol holandês), Liverpool, Barcelona e Atlético de Madrid. Nessa amostra, seus números eram de três gols e duas assistências.
Na estreia pelo Atlético de Madrid, diante do Granada, no dia 27 de setembro de 2020, Suaréz estreou marcando dois gols. Ainda no intervalo do jogo e à beira do gramado, o jogador disse que julgava ser sua melhor apresentação inaugural por uma equipe: “Eu acho que sim [maior estreia], o último debut quando fiz gol foi no Atlético [de Madrid]. É a mentalidade, é uma final, quando concentra para uma final, tem que jogar como hoje”, falou.
O São Luiz chegou a empatar o jogo, mas o Grêmio respondeu dois minutos depois, com Bitello. O segundo gol do uruguaio saiu aos 30 minutos e começou com Kannemann antecipando um lançamento do São Luiz. A bola sobrou para Ferreira, que novamente tocou de primeira para Suárez que marcou o segundo.
Não parou por aí! Aos 37, após cruzamento de Reinaldo interceptado pela zaga, Suárez pegou de primeira, firme, para estufar as redes do goleiro Gabriel Félix pela terceira vez.

O hat-trick ainda na primeira etapa quebrou uma marca que o uruguaio não alcançava há mais de nove anos, quando também fez três gols na metade inicial do jogo pelo Liverpool.

Anúncio