Neymar marca, Brasil goleia o Peru e segue 100% na Copa América

Camisa 10 faz bom jogo e ajuda seleção a chegar aos 6 pontos. Alex Sandro, Everton Ribeiro e Richarlison também marcam

Rio de Janeiro – O Brasil continua imbatível na Copa América. Sem nem precisar se esforçar muito, a seleção goleou o Peru por 4 a 0, no Rio de Janeiro e manteve os 100% de aproveitamento na competição continental.

Os gols de Alex Sandro, Neymar, Everton Ribeiro e Richarlison colocam a equipe com 6 pontos, na liderança isolada do Grupo B. O Peru, que fez o seu primeiro jogo no torneio, está zerado.

O próximo adversário dos dois times é a Colômbia. Porém, enquanto os peruanos entram em campo no domingo, os brasileiros folgam na próxima rodada e só voltam a atuar na próxima quarta-feira.

Gol… e só!

Com escalação bastante diferente, o Brasil parece não ter se encontrado durante o primeiro tempo. Mesmo assim fez um gol, com Alex Sandro, aos 10 minutos, após cruzamento de Gabriel Jesus. Mas foi só. No restante do tempo, pouquíssima emoção e nenhuma outra grande chance criada pela seleção.

Brasil melhora

A apatia parece ter incomodado Tite, que voltou do intervalo com duas substituições. As entradas de Everton Ribeiro e Richarlison deram mais vibração ao ataque brasileiro. Mas foi uma jogada individual que realmente agitou o jogo.

Neymar carregou pela direita e caiu na área após dividida com Renato Tapia. A princípio, o árbitro marcou pênalti, cancelado após longa consulta ao VAR.

O craque decide
O lance parece ter deixado o camisa 10 do Brasil “irritado” e, no lance seguinte, ele fez o segundo. Fred encontrou Neymar, que girou sobre a marcação e bateu firme, vencendo o goleiro Gallese. É o 68º gol do atacante pela seleção.

Como ele fez isso?

Aos 32, o Peru teve ótima chance e perdeu gol inacreditável. Após levantamento de Távara, a bola desvia no meio da área, Abram tentou completar e a bola sobrou para Valera. Dentro da pequena área, ele bateu por cima do gol.

Brasil deslancha e goleia

Neymar voltou a dar show e, após linda jogada individual, sofreu falta perigosa. Ele mesmo bateu e a bola passou muito perto da trave.

O terceiro gol quase saiu aos 43. Fred arrancou e serviu Richarlison, que cruzou para a área. Firmino, livre, bateu e Gallese defendeu. E no lance seguinte, gol. Em linda jogada trabalhada da seleção, Richarlison cruzou e Everton Ribeiro marcou.

O Brasil queria mais. E conseguiu. Neymar deu linda bola para Firmino, que bateu para nova defesa de Gallese. Richarlison, em duas tentativas, mandou para o gol e deu números finais ao jogo.

BRASIL 4 x 0 PERU

Local: estádio Nilton Santos, o Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 17 de junho de 2021, quinta-feira, às 21h
Árbitro: Patricio Loustau (Argentina)
Assistentes: Gabriel Chade e Ezequiel Brailovsky (ambos da Argentina)
VAR: Mauro Vigliano (Argentina)
Cartões amarelos: Gabriel Jesus (Brasil), Christian Ramos, Yotún, Távara (Peru)
GOLS: Alex Sandro, aos 11/1ºT (1-0), Neymar, aos 22/2ºT (2-0), Everton Ribeiro, aos 43/2ºT (3-0), Richarlison, aos 46/2ºT (4-0)
BRASIL: Ederson; Danilo (Emerson, aos 38/2ºT), Éder Militão, Thiago Silva e Alex Sandro (Renan Lodi, aos 31/2ºT); Fabinho, Fred e Neymar; Gabriel Jesus (Roberto Firmino, aos 25/2ºT), Éverton Cebolinha (Everton Ribeiro, no intervalo) e Gabigol (Richarlison, no intervalo). Técnico: Tite
PERU: Gallese; Aldo Corzo, Christian Ramos, Luis Abram e Marcos López; Renato Tapia, Yotún (Alexis Arias, aos 28/2ºT), Sergio Peña (Luis Iberico, aos 21/2ºT), Cueva (Távara, aos 28/2ºT) e André Carrillo; Gianluca Lapadula (Alex Valera, aos 21/2ºT)0). Técnico: Ricardo Gareca

Anúncio