Para goleiro alemão, Cristiano Ronaldo apto é o maior perigo do mundo

Ronaldo viveu um complicado final de temporada com o Real Madrid devido a problemas físicos.

Salvador – O goleiro alemão Manuel Neuer, que fará sua estreia na Copa do Mundo na segunda-feira contra Portugal, declarou neste domingo que “Cristiano Ronaldo fisicamente apto é o rival mais perigoso do mundo”.

Interrogado sobre o estado físico do capitão de Portugal e Bola de Ouro em 2013, Neuer respondeu: “Não conheço seu corpo, não sei se está fisicamente bem, é difícil de saber. Mas um Cristiano Ronaldo fisicamente apto é evidentemente o rival mais perigoso do mundo”.

Ronaldo viveu um complicado final de temporada com o Real Madrid devido a problemas físicos. Desde a final da Liga dos Campeões no dia 24 de maio, quando seu time derrotou (4-1 na prorrogação) o Atlético de Madrid, o jogador só esteve em campo uma hora contra a Irlanda (5-1), em um amistoso no dia 10 de junho.

Na preparação para o Mundial, Cristiano Ronaldo seguiu um plano de preparação específico e não se sabe em que estado chegará na estreia contra a Alemanha.

“Jogamos contra Portugal, que está em alta, é a quarta seleção mundial (na classificação da FIFA). Enfrentamos a primeira fase sabendo que será difícil terminar em primeiro e que teremos três finais contra três rivais muito fortes (além de Portgual, Gana e Estados Unidos)”, explicou o goleiro do Bayern de Munique.

“Queremos ganhar o torneio. É verdade que conforme passam as competições, a pressão aumenta, mas pessoalmente tenho gana, amo esses jogos, os grandes torneios, esses grandes momentos. São as situações em que você pode dar o melhor de si”, acrescentou.

Neuer também descartou ter alguma sequela dos problemas físicos que alteraram seu final de temporada com a equipe da Bavária.

“Estou bem, estou fisicamente preparado. Posso fazer todos os movimentos e treino normalmente. Sou apoiado e me sinto bem”, disse.

Neuer negou que as lesões tenham sido um incoveniente na preparação da equipe alemã: “Lahm, Schweinsteiger, Khedira e eu não estávamos disponíveis um tempo, mas estivemos em contato com o grupo. Treinamos bem e o importante é que estamos 100%”.

Anúncio