PSG encara United na fase de grupos nesta terça-feira

Franceses se espelham na campanha da última edição, em que alcançou a final pela primeira vez em sua história; Manchester United ainda não poderá contar com Edinson Cavani

São Paulo – Atrasada por conta da pandemia de Covid-19, que alterou todo o calendário do futebol mundial, a fase de grupos da temporada 2020/2021 da Liga dos Campeões começa, nesta terça-feira (20), com o mesmo formato dos últimos anos e confrontos entre grandes times logo na primeira rodada. Um dos destaques é o duelo entre o atual vice-campeão, Paris Saint-Germain, e o Manchester United em Paris, às 15h (de Manaus).

Liderado por Neymar, o PSG se espelha na campanha da última edição, em que alcançou a final pela primeira vez em sua história. O título acabou ficando com o Bayern de Munique, mas o caminho está pavimentado para o time francês novamente brigar pela taça inédita.

A equipe de Paris segue apostando nos craques Neymar e Mbappé e hoje tem um elenco mais renovado após as saídas de Thiago Silva e Edinson Cavani e as chegadas do volante português Danilo Pereira, do meio-campista brasileiro Rafinha Alcântara e do atacante italiano Moises Kean, além do lateral Fiorenzi, emprestado pela Roma.

O Manchester United aposta em Cavani, que, no entanto, não estreia contra seu ex-clube. “Edinson precisa de mais alguns dias de treino físico antes de pensarmos na estreia, talvez no fim de semana”, explicou o técnico Ole Gunnar Solskjaer.

Sem desfalques, time francês vai à campo com todas suas estrelas (Foto: Twitter PSG / Divulgação)

O Grupo H não é dos mais fáceis já que, além de Manchester United e PSG, conta com o RB Leipzig, uma das sensações da última edição e que foi justamente eliminado nas semifinais pelos franceses. O outro integrante da chave é o modesto Instanbul Basaksehir, da Turquia, ex-equipe de Robinho. Istambul, aliás, será sede da final, prevista para ser realizada em 20 de maio de 2021, no estádio Olímpico Atatürk.

Atual campeão, o Bayern de Munique entra novamente como um dos favoritos ao título. O time bávaro não perdeu peças importantes e ainda reforçou o já qualificado elenco comandado pelo técnico Hansi Flick, com o brasileiro Douglas Costa, o alemão Leroy Sané e o camaronês Choupo-Moting. A grande referência da equipe alemã continua sendo o polonês Robert Lewandowski. Os bávaros fazem a estreia contra o Atlético de Madrid, reforçado por Luis Suárez, nesta quarta-feira (21), em Munique.

A Liga dos Campeões terá um confronto precoce entre os dois craques que têm dominado o futebol mundial nos últimos anos. O sorteio da Uefa colocou a Juventus, do português Cristiano Ronaldo, e o Barcelona, do argentino Lionel Messi, na mesma chave, a G.

O duelo entre Messi e Cristiano Ronaldo no principal torneio do futebol mundial não é inédito, mas nunca aconteceu tão cedo. Os dois jogam nesta terça-feira (20). A Juventus inicia sua campanha diante do Dínamo de Kiev, às 13h55 (de Brasília), na Ucrânia, enquanto que o Barcelona, enfrenta o modesto Ferencváros, no Camp Nou, às 16 horas.

 

Anúncio