‘Receita de sucesso’ é repetida no Manaus FC

Caçulinha do futebol amazonense aposta na manutenção da base e em contratações pontuais para brilhar nas quatro competições que disputa: Série D, Copa do Brasil, Copa Verde e Estadual

Manaus – Hoje, o Manaus FC é sem dúvida o clube que devolve as esperanças ao torcedor local para ver o futebol estadual outra vez nas divisões mais expressivas do futebol brasileiro. Atual bicampeão estadual, a equipe teve bons desempenhos na Copa Verde e Copa do Brasil. Na Série D do Campeonato Brasileiro, a equipe ‘bateu na trave’ para conquistar o acesso para a Série C do futebol.

Equipe conquistou o bicampeonato amazonense em 2018 (Foto: Reinaldo Okita/Arquivo)

Porém, para 2019, a base da equipe está mantida. A comissão técnica, liderada por João Carlos Cavalo, também já foi anunciada. Apesar das permanências, os investimentos no departamento de futebol continuam e a expectativa é que o custo mensal da equipe gire acima dos R$ 100 mil. “Estamos trabalhando com recursos que giram na casa dos R$140 mil por mês”, disse o presidente do clube, Giovani Silva.

Equipe

Para 2019, até agora, a equipe realizou contratações pontuais. E um camisa 10 ainda deve chegar, conforme explica Giovani. “Estamos em busca apenas de um camisa 10. Nós, da diretoria, também estamos conversando e estudando a possibilidade de contratar um novo lateral-esquerdo, mas isso ainda não está definido”, falou o mandatário que revelou, ainda, que a equipe deve ser formada por 26 jogadores.

Ainda sobre o plantel da equipe, na sexta-feira, a diretoria do Gavião do norte acertou a renovação de contrato com o meia Hamilton por mais um ano. O novo vínculo do atleta com o bicampeão amazonense vai até o dia 30 de setembro de 2019.

Vale ressaltar que, em 2018, o jogador atuou em 20 partidas pelo Manaus FC e balançou as redes adversárias dez vezes.

No segundo semestre, ele saiu por empréstimo e faturou o título da Segundinha do Estadual pelo Iranduba. De volta ao Gavião, ele disputará quatro competições na próxima temporada: Campeonato Amazonense, Série D do Brasileiro e as Copas Verde e do Brasil.

Copa do Brasil

O mandatário também foi questionado sobre o resultado do sorteio da Copa do Brasil de 2019, que o colocou frente a frente do sétimo colocado da série B do Campeonato Brasileiro, o Vila-Nova (GO). De acordo com o dirigente do clube, o sorteio motiva ainda mais a equipe ‘a trabalhar’.

“De maneira alguma, muito pelo contrário. Vamos intensificar ainda mais a nossa preparação para chegarmos prontos para esse confronto. Sabemos que se trata de um adversário qualificado, mas esperamos jogar de igual para igual contra eles. O Vila foi uma equipe que lutou até a última rodada da Série B por um lugar na elite do futebol nacional. Isso mostra a pedreira que teremos pela frente, mas estamos confiantes”, falou.

Quanto a patrocinadores, o cartola revelou que, para janeiro, o clube deve selar um acordo com novos parceiros.