Sob forte calor e com criançada na Colina, Seleção treina em Manaus

O elenco da Seleção fará o segundo e último treino antes do jogo com o Uruguai nesta quarta-feira (13), na Arena da Amazônia

Manaus – Na tarde desta terça-feira (12), o elenco estrelado da Seleção Brasileira fez seu primeiro trabalho em Manaus visando o jogo com o Uruguai, pelas Eliminatórias. Sob forte calor, torcedores do lado de fora do Estádio da Colina tentaram, em vão, entrar para acompanhar o treinamento, que só foi liberado para a imprensa devidamente credenciada pela CBF e convidados especiais. Entre os privilegiados, cerca de 300 crianças estudantes de colégios do ensino público da capital.

Momentos antes do início da atividade, o zagueiro Thiago Silva foi homenageado no centro do gramado da Colina com uma placa em alusão aos 100 jogos com a camisa da Seleção. O defensor do Chelsea também foi o escolhido para a entrevista coletiva desta terça.

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Thiago Silva defendeu Neymar das críticas que o atacante vem recebendo da imprensa, disse que as cobranças são exageradas e afirmou que o camisa 10, ciente de que pode render mais, tem se cobrado para apresentar um melhor futebol. Líder nas Eliminatórias sul-americanas, o Brasil enfrenta o Uruguai amanhã (14), na Arena Amazônia.

“Claro que ele se cobra muito, A gente sabe também que tem que fazer melhor, jogar melhor, ter um entrosamento melhor. Ele sabe que não fez um jogo de Neymar, ele tem essa autocrítica. Mas a cobrança não é de acordo com o que faz dentro de campo e sim fora dele. Fica uma cobrança muito forte de coisas que não têm nada a ver”, afirmou o zagueiro sobre a pressão que Neymar vem recebendo da imprensa.

Tite esboça mudanças

O primeiro treino da Seleção Brasileira indiciou algumas mudanças que Tite pode fazer no time titular. A principal delas passa por Raphinha, titular em um time titular esboçado por Tite na Colina.

blank

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

A atividade começou com um treino tático voltado para esse possível time titular. Dez jogadores realizaram movimentações de pressão em saída de bola e construção no meio-campo do adversário: Émerson, Lucas Veríssimo, Thiago Silva, Alex Sandro; Fabinho, Fred; Raphinha, Lucas Paquetá; Gabriel Jesus e Neymar.

Depois disso, esses atletas não voltaram mais no gramado, dando lugar ao restante do elenco, que fez o mesmo exercício e, depois, um jogo em campo reduzido.

O elenco da Seleção fará o segundo e último treino antes do jogo com o Uruguai nesta quarta-feira (13), na Arena da Amazônia, quando faz o reconhecimento do gramado do estádio, que passou por reformas de urgência especialmente para receber a partida. A atividade deve ser fechada aos torcedores e também vai ser realizada na parte da tarde para fugir do forte calor.

Anúncio