Thiago Braz inicia trajetória em busca de mais um ouro no salto com vara

Atleta do salto com vara conseguiu melhor resultado no ano em junho e se vê livre de rival americano

Tóquio – Medalha de ouro nos Jogos do Rio no salto com vara masculino, em 2016, o paulista Thiago Braz inicia, nesta sexta-feira (30), dia 8 de olimpíada, sua jornada em Tóquio em busca do bicampeonato. Apesar de o atleta não ter pela frente seu principal rival, Sam Kendricks, dos Estados Unidos, duas vezes primeiro lugar no mundial e bronze cinco anos atrás no Brasil, o sueco Armand Duplantis e o francês Renaud Lavillenie, prata no Rio, estão no páreo na luta pelo lugar mais alto do pódio.

Atleta do salto, Thiago Braz inicia trajetória em busca de mais um ouro (Foto: Divulgação / COB)

O norte-americano testou positivo para covid-19 e foi excluído dos Jogos pelo Comitê Olímpico dos Estados Unidos nesta quinta-feira (29).

“A saúde e segurança dos nossos atletas, técnicos e estafe é nossa prioridade máxima. Estamos tristes em confirmar que Sam kendricks testou positivo para Covid-19 e não vai competir nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020”, informa nota do comitê norte-americano. “Em alinhamento com as regras locais e protocolos, ele foi transferido para um hotel para ser colocado em isolamento e está recebendo suporte da USATF (Federação de Atletismo dos EUA) e do USOPC (Comitê Olímpico dos EUA). Sam é um membro do Time EUA incrível e de sucesso e sua presença fará falta.”

Braz não teve um bom ciclo. Um mês atrás, conseguiu seu melhor desempenho na temporada com um quarto lugar ao saltar 5,82 metros, conquistado na série ouro do World Continental Tour 2021, na Polônia. O desempenho ficou abaixo dos 6,03 metros conquistados no Rio, a melhor marca de sua carreira e atual recorde olímpico.

No torneio, o brasileiro ficou empatado com o atleta da casa Piotr Lisek, que levou o bronze devido aos critérios de desempate. A medalha de ouro foi conquistada por Chris Nilsen, dos Estados Unidos, que saltou 5,92 metros. Com 5,87 metros, Ernest Obiena, das Filipinas, que treina junto com Braz, na Itália, levou a prata.

Outro brasileiro corre por fora nos Jogos de Tóquio. Augusto Dutra é o atual campeão nacional e ficou na 6ª posição no World Continental Tour 2021 ao saltar 5,50 metros.

A disputa eliminatória começa nesta sexta-feira (30), a partir das 21h40. A final está prevista para ocorrer na terça-feira (3), às 7h20. Os horários são de Brasília.

Anúncio