Zona leste recebe Tocha Olímpica na tarde deste domingo

A retomada do revezamento aconteceu às 15h, na rotatória do bairro São José e encerra o trajeto na Avenida Mirra

Manaus – O revezamento da Tocha Olímpica pela capital do Amazonas foi retomado na tarde deste domingo (19), às 15h, na rotatória do bairro São José, zona leste de Manaus. Conforme a programação, o símbolo olímpico seguirá o revezamento até a rotatória da Feira do Produtor, continuando o trajeto na Avenida Itaúba e encerrando a caminhada na zona leste até a Avenida Mirra.

Na Autaz Mirim, o piloto de stock car Antônio Pizzonia foi muito aplaudido pelo público. “É uma honra muito grande, um sentimento inigualável”, afirmou. 

O poeta e compositor Celdo Braga também foi um dos pontos altos do trajeto, mas foi Nunes Filho um dos mais cortejados, com direito aos famosos passinhos, marca da sua carreira. “É uma emoção muito grande para mim representar parte da nossa cultura, do nosso costume popular”, disse.  

Mesmo debaixo de chuva, por volta de 16h30, moradores dos bairros Tancredo Neves, Jorge Teixeira II e João Paulo percorreram boa parte do trajeto correndo, lado a lado com o símbolo olímpico.

Por toda extensão da Autaz Mirim, as pessoas se reuniram para acompanhar a passagem da Tocha. A dona de casa Adalva Coelho, 59, estava muito emocionada por acompanhar esse momento em Manaus, algo que ela nunca imaginava na vida dela. “Uma emoção muito grande. Depois de muitos anos, Manaus recebe a Tocha Olímpica, é algo que eu nunca esperava ver na minha vida”, disse a dona de casa, que saiu do bairro Japiim e está desde às 12h aguardando a passagem da chama olímpica.

O vigilante Carlos Rocha, 40, também estava muito emocionado. Acompanhado da esposa e do filho Carlos Natanael, de 7 anos, afirmou estar vivendo um momento histórico. “Esse é um momento histórico, da Tocha passar aqui, para nós, é um privilégio para o meu filho poder ver a Tocha passar aqui”, disse o vigilante, que carregava com orgulho uma bandeira do Brasil.

Encerrado o revezamento da Tocha Olímpica pela zona leste, ela seguiu de carro para outro extremo da capital, para a Ponte do Rio Negro, no sentido Iranduba/Manaus. Logo após a travessia da ponte, o revezamento a pé reinicia na Ponte do Rio Negro e segue pela Avenida Coronel Cyrillo Neves, a Av. Brasil e a Avenida Coronel Teixeira (estrada da Ponta Negra), partindo para o ápice do evento: a ‘Celebração da Cidade’, no anfiteatro da Ponta Negra, onde encerra a caminhada por Manaus no domingo.

Nesta manhã, a chama olímpica desembarcou no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, seguiu para a Arena da Amazônia. No início da tarde, a tocha passou por pontos do Centro Histórico como Mercado Adolpho Lisboa e Largo São Sebastião.