Cientistas dos EUA voltam a investigar ‘múmias alienígenas’ do Peru

Origem alienígena das Múmias de Nazca foi negada pelo governo peruano

Peru – Uma disputa surgiu entre o governo do  Peru e cientistas norte-americanos sobre a investigação da origem das Múmias de Nazca. Um grupo de cientistas dos Estados Unidos retomou a análise das ‘múmias alienígenas’ apresentadas no Peru no ano passado. O Ministério Público peruano considerou a suposta origem alienígena das múmias uma fraude, após sua exibição no Congresso do  México, o que levou à controvérsia.

(Foto: Reprodução)

O Ministério da Cultura do  Peru se opõe às investigações, sob o argumento de que os “corpos” são, na verdade, bonecos construídos por saqueadores de túmulos para venda no mercado ilegal. Ainda assim, os cientistas insistem em analisar os objetos para descobrir mais pistas sobre sua origem. Para isso, os artefatos foram submetidos à tomografia computadorizada.

As Múmias de Nazca foram encontradas em 2017 por funcionários da universidade San Luis Gonzaga, de Ica, onde fica Nazca. Na época, o feito foi anunciado como “a grande descoberta arqueológica do século XXI”. Ao mesmo tempo, os funcionários foram acusados de terem alterado os objetos para parecerem extraterrestres.

Anúncio