Conheça a vaca mais cara do mundo, avaliada em R$ 21 milhões

Em leilão, Viatina-19 FIV Mara Móveis, de 53 meses de idade, alcançou o recorde mundial de preços da raça Nelore

São Paulo – A vaca Viatina-19 FIV Mara Móveis alcançou o recorde mundial de preços da raça Nelore no último dia 16. Um terço dela foi vendido em um leilão em Arandu (SP) por R$ 6,99 milhões. Em leilões de animais de muito valor, tem se tornado comum a prática de só uma parte dela ser comprada. Assim, a posse do animal é dividida entre os sócios.

Em leilão, Viatina-19 FIV Mara Móveis, de 53 meses de idade, alcançou o recorde mundial de preços da raça Nelore  (Foto: Divulgação – Casa Branca)

Com o valor de quase R$ 7 milhões por um terço, a estimativa é que a vaca inteira esteja avaliada agora por R$ 21 milhões. Aos 53 meses de idade, Viatina já está posicionada entre as melhores vacas Nelore da história.

Este é o segundo recorde que Viatina 19 alcança. Em maio de 2022, 50% da propriedade do animal foi vendido por R$ 3,99 milhões, o que na época foi considerado um recorde mundial de preços da raça Nelore.

No leilão, a compradora da vaca foi a empresa paulista Nelore HRO, que com a aquisição se tornará sócia da Casa Branca Agropastoril e da Agropecuária Napemo, que antes da compra já possuíam 50% cada da posse do animal. Agora cada uma das três empresas tem 33%.

Embora com a venda já tenha sido computado lucro, a expectativa é de que a renda com o animal seja gerada a partir da venda dos filhotes que serão gerados, repartidos entre os sócios igualmente. Segundo a empresa, a expectativa é que haja lucro também com a venda de acasalamento com o animal.

Assim como com o lucro, o “gerenciamento” do animal é subsidiado pelos três sócios, que além de tratarem do animal, também estabeleceram um rodízio em relação ao local em que o animal ficará, com o animal ficando de tempos em tempos na fazenda de cada um dos três sócios.

*Com Agência Estado

Anúncio