Diretor do FBI diz que pandemia de Covid ‘provavelmente’ surgiu por acidente

Apesar da fala do diretor do FBI, a informação não é consenso entre outras agências norte-americanas

EUA – O diretor do FBI, Christopher Wray, afirmou nesta terça-feira (28) que a agência acredita que a pandemia de Covid-19 pode ter tido seu início num vazamento em um laboratório em Wuhan, na China.

Christopher Wray, do FBI, durante entrevista à Fox News (Foto: Reprodução – Fox News)

“O FBI, há algum tempo, avalia que as origens da pandemia são muito provavelmente um potencial incidente de laboratório em Wuhan”, disse Wray em entrevista ao canal Fox News.

Um relatório divulgado pelo Departamento de Energia dos Estados Unidos recentemente diz que um vazamento em um laboratório chinês é a causa mais provável do surto de Covid-19. No entanto, outras agências de inteligência do país acreditam que o vírus surgiu de maneira natural no mundo.

Na entrevista, Wray acusou o governo chinês de tentar impedir os esforços americanos para investigar as causas da pandemia.

“O governo chinês… tem feito o possível para tentar impedir e ofuscar o trabalho aqui, o trabalho que estamos fazendo, o trabalho que nosso governo e os aliados estão fazendo”, disse Wray.

As autoridades chinesas negaram de maneira veemente a alegação, que chamaram de campanha de difamação contra Pequim.

A comunidade científica considera crucial determinar as origens da pandemia para combater, e inclusive evitar, a próxima.

Anúncio