Homem é anestesiado para fazer cirurgia na vesícula e acorda com vasectomia

O caso aconteceu no Hospital Provincial Florencio Díaz, em Córdoba, Argentina

Argentina- O argentin0 Jorge Base, de 41 anos, foi vítima de um erro médico, isso porque, ele foi anestesiado para passar por uma cirurgia na vesícula e, quando acordou, havia recebido uma vasectomia. O caso aconteceu no Hospital Provincial Florencio Díaz, em Córdoba, Argentina.

(Foto: Reprodução/La Nación)

De acordo com as informações do  El Doce TV, os médicos alegam ter cometido o erro devido à mudança de data do procedimento. A operação ia ocorrer no dia 20 de fevereiro, mas foi transferida para a última quarta-feira (28).

“Ele caiu na pilha de vasectomia e, sem perguntar nada, o levaram para a sala de cirurgia”, afirmou o advogado de Base, Diego Larrey. .

“É muito estranho porque na minha pasta dizia vesícula em todo lugar, bastava ler, não é muito científico […] Não quero apontar o dedo, mas ninguém aqui assumiu a responsabilidade. Eles se concentram em dizer: ‘Bem, não faça de você um drama, porque através da inseminação você pode ter um filho semelhante”,  disse  Jorge Base.

Segundo o advogado , a equipe médica só se deu conta do erro depois que o paciente acordou da anestesia com a vasectomia realizada. Os especialistas então, realizaram a operação correta no homem, que ficou desesperado ao saber do erro.

Pai de dois meninos, Jorge Base relatou que tinha o sonho de ser pai de uma menina.

“Disseram-lhe que através da inseminação ele poderia ter filhos”, afirmou o responsável pela defesa do paciente. Ele afirmou ainda que nenhum profissional assumiu a culpa pelo incidente: “Eles culparam-se mutuamente”.

Anúncio