Jovem de 18 anos morre de Covid-19 após três dias de internamento

Por causa dos protocolos médicos, a mãe não pôde ver a filha hospitalizada, mas conversou por telefone quando ela foi transferida para a UTI

EUA – A jovem Sarah Simental, de 18 anos, sem comorbidades, morreu vítima do novo coronavírus, após passar três dias internada, antes do natal (25) em uma unidade hospitalar, em Chicago, nos Estados Unidos.

(Foto: Reprodução/Redes Sociais)

De acordo com a mãe dela, Deborah Simental, a jovem relatou uma pequena dor de cabeça no dia 16 de dezembro (2020). No dia seguinte, ela relatou coriza e dor de garganta. Sarah começou a sentir febre, calafrios e vômitos. Foi quando decidiu fazer o teste para Covid-19, que deu positivo.

Leia mais: Filha vê mãe na UTI com Covid-19 morrer um dia após tirar foto com ela

A jovem decidiu procurar um hospital quando a começou a sentir dores no braço esquerdo. Quando chegou ao Hospital, os médicos informaram que o nível de oxigênio dela estava muito baixo. Por causa dos protocolos médicos, a mãe não pôde ver a filha hospitalizada, porém, conversou por telefone quando a jovem foi transferida para a UTI.

“Eu disse: ‘Vai ficar tudo bem’ e ela sabia que ia perder o Natal – ela adorava o Natal”, disse Deborah Simental. “As últimas palavras que ela me disse foram: ‘Mãe, vai ficar tudo bem’.”

A jovem de 18 anos morreu no dia 26 de dezembro. “Foi muito rápido”, disse Deborah Simental. A família disse que ainda não está claro como a jovem contraiu a covid-19.

“Há pessoas por aí que não levam isso a sério. O pai dela e eu estamos aqui para dizer a você – que é real”, disse a mãe.