Ucrânia ataca com drones e destrói navio usado pela Rússia para invasões; VEJA

Militares aproveitaram escuridão da madrugada para atingir e afundar a embarcação Tsezar Kunikov na Península da Crimeia

Rússia – As forças militares da Ucrânia destruíram o navio Tsezar Kunikov, usado pela Marinha da Rússia para se aproximar rapidamente, ancorar e desembarcar blindados e tanques de guerra em territórios de outros países. O ataque usou drones navais durante a madrugada desta quarta-feira (14) na Península da Crimeia, no Mar Negro, segundo militares ucranianos.

(Foto: Reprodução)

Sites ucranianos divulgaram diversos vídeos que mostram uma coluna de fumaça saindo do mar, no sudeste da costa da Crimeia, enquanto helicópteros sobrevoavam o mar.

“As Forças Armadas da Ucrânia, em conjunto com a unidade de inteligência do Ministério da Defesa, destruiu o grande navio de assalto Tsezar Kunikov. A embarcação estava em águas do território ucraniano, perto de Alupka, no momento do ataque”, informaram os militares numa mensagem no aplicativo Telegram.

O Kremlin declinou de comentar o caso depois do comunicado da Ucrânia.

A agência de inteligência militar da Ucrânia disse que os drones navais não-tripulados são equipados com explosivos potentes a fim de empurrar os navios russos para o lado oeste do Mar Negro, o que permite a abertura de um corredor para embarcações ao longo de uma tradicional rota de exportação.

Em dezembro, mísseis de cruzeiro da Ucrânia atingiram outro grande navio de assalto, usado pela Rússia para ocupação de territórios, na Crimeia.

Anúncio