Açougueiro é executado com 5 tiros em rip rap no Terra Nova, em Manaus

Luiz  Augusto Amazonas Correa, 33, foi morto durante uma emboscada, segundo a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). 

Manaus – O açougueiro Luiz Augusto Amazonas Correa, 33, foi assassinado com cinco tiros, por volta das 20h da última sexta-feira (13), em um rip rap, na zona norte de Manaus, durante uma emboscada, conforme informações do relatório da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Segundo o Instituto Médico Legal (IML), o crime ocorreu na Rua Venezuela, no loteamento América do Sul, no bairro Terra Nova.

A azulejista Andreza Tavares, 30, moradora do bairro, informou que a vítima estava bebendo com outra pessoa, quando dois homens não identificados apareceram no local e atiraram no açougueiro. “Essa área onde aconteceu o crime é muito perigosa. Durante à noite, não tem iluminação. Isso aconteceu por causa de droga”, disse Taveira.

Um morador do loteamento, de 33 anos, que pediu para não ter o nome publicado por medo de represália, informou que a vítima morava na comunidade Rio Piorini, também na zona norte, e tinha recebido uma ligação para se encontrar com amigos no rip rap.

Segundo ele, dois homens chegaram andando no local, fizeram cinco disparos na vítima e fugiram. “Aqui no loteamento ninguém conhecia esse rapaz. Mas algumas pessoas disseram que ele era envolvido com drogas”, disse.

No site do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), a vítima respondia por um crime de homicídio qualificado na 2ª Vara do Tribunal do Júri e tinha uma passagem no 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP), por ameaça e cárcere privado contra a mulher.

O assassinato do açougueiro está sendo investigado pela DEHS, com sede no bairro Tancredo Neves, zona leste. Até o fechamento desta matéria, a Polícia Civil desconhecia a autoria do crime.

Anúncio