Compra de imóvel na Espanha dá direito a visto de residência

Brasileiro pode entrar no negócio, destaca especialista

Manaus – De olho no consumidor brasileiro, o governo espanhol está oferecendo, desde setembro, o direito ao visto de residência espanhola a estrangeiros não residentes que adquirirem um imóvel no valor superior a 500 mil euros no país. Com fortes problemas econômicos por toda a Europa, a expectativa é impulsionar o mercado imobiliário, o que pode ser rentável aos brasileiros.

A avaliação é da especialista em direito societário e mercado de capitais, fusões e aquisições (M&A) do escritório Abe Advogados, Marina Maranhão. A especialista, que é graduada pela Universidad de Salamanca, na Espanha, diz que “esta medida, entre outras tomadas pelo governo desde o início da crise, visa fomentar a venda de imóveis que foram objeto de despejo por bancos e construtoras, sem que exista uma população apta financeiramente a adquirir esses imóveis”.

De acordo com Consejo General del Notariado, as compras de imóveis por estrangeiros no segundo trimestre de 2013 tiveram um acréscimo de 22,6% em comparação ao segundo trimestre de 2012. A preferência é por propriedades localizadas principalmente em cidades turísticas como Alicante, Málaga e Barcelona.