Grupo cria ‘Isoporzinho Manaus’ para criticar preços altos de bebidas alcoólicas

O evento, marcado para acontecer às 16h do próximo sábado (8), na Praça Dom Pedro, Centro, será uma reunião com intuito de diversão e ocupação do espaço público.

Manaus – Com a intenção de criticar os preços abusivos cobrados pelas bebidas alcoólicas em bares e botecos da cidade de Manaus, o empresário Rafael Rezz, de 26 anos, decidiu criar um evento na rede social Facebook, chamado de “Isoporzinho Manaus”.

O evento, marcado para acontecer às 16h do próximo sábado (8), na Praça Dom Pedro, II Centro, será uma reunião com intuito de diversão e ocupação do espaço público. “A ideia é levar a bebida de casa ou comprada por um preço menos desonesto”, comentou Rafael.

Segundo ele, o encontro não se configura como ato político ou manifestação. “Vamos para praça então, levando nossos isopores, coolers ou bolsas térmicas, e beber de boa sem precisarmos vender um rim”, afirmou ele.

Com mais de 2,2 mil pessoas convidadas e cerca de 150 confirmadas, o “Isoporzinho Manaus” teve inspiração em um evento semelhante no Rio de Janeiro. “No Rio ,eles também fizeram algo parecido pelo mesmo motivo. Cheguei a Manaus sexta passada e, conversando com uns amigos, descubro que estamos com o mesmo problema aqui. Daí surgiu a ideia de fazer o Isoporzinho Manaus”, contou o empresário.

Para Rafael, a ideia do encontro é reunir o maior número de pessoas. “Logo de início convidei cerca de mil amigos do Facebook, que por sua vez já chamaram outras mil pessoas. Queremos fazer uso do espaço do público, conhecer gente nova, sentar, beber, limpar a sujeira e ir embora. Tudo na santa paz e de graça”, concluiu.

Anúncio