Netanyahu e Bolsonaro se reúnem no Rio sob forte esquema de segurança

O primeiro-ministro de Israel desembarcou na final da manhã desta sexta-feira na Base Aérea do Galeão, no Rio de Janeiro, para uma visita de cinco dias ao Brasil

Rio de Janeiro – Um forte esquema de segurança marcou a chegada do primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, ao Forte de Copacabana, na zona sul do Rio, onde almoçou com o presidente eleito, Jair Bolsonaro. Além dos carros da comitiva, havia carros da Polícia Federal, uma ambulância do corpo de bombeiros e um veículo da Guarda Municipal.

O presidente eleito Jair Bolsonaro recebe a visita do primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, em Copacabana (Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

Para a passagem da comitiva, o trajeto até o Forte provocou pequenas interrupções no tráfego. O mesmo foi feito pelos batedores que faziam a segurança ao redor dos carros da comitiva quando chegou na Rua Francisco Otaviano, próximo à entrada do Forte.

Os futuros ministros da Economia, Paulo Guedes; da Defesa, general Fernando Azevedo e Silva; e de Relações Exteriores, Eduardo Araujo; também participam do almoço com o primeiro-ministro e o presidente eleito.

Visita

Netanyahu desembarcou na final da manhã desta sexta-feira na Base Aérea do Galeão, no Rio de Janeiro, para uma visita de cinco dias ao Brasil. O premiê de Israel foi recebido pelo prefeito da cidade, Marcelo Crivella, e pelo futuro ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

No final da tarde, Netanyahu irá à sinagoga Beit Yaakov para a cerimônia religiosa do shabat. No domingo (30), ele se reúne com jornalistas, líderes da comunidade judaica e Amigos Cristãos de Israel.

Na segunda-feira (31), segue para Brasília, onde acompanhará a posse de Bolsonarono dia 1º de janeiro. Ele retorna para Israel na noite do dia 1º.