Polícia investiga as causas do acidente que matou família na BR-174

Equipes da Polícia Rodoviária Federal e do Corpo de Bombeiros realizam as investigações no km 235, onde o carro com os corpos da família foi localizado em um lago.

Manaus– A Polícia Rodoviária Federal (PRF) ainda não sabe informar as causas do acidente que matou Levy Oliveira Nascimento, de 32 anos, e a esposa Gislane Santos Mesquita Nascimento, de 34 anos, e o filho Ian Levy Mesquita Nascimento, de 6 anos. Eles estavam desaparecidos desde a última sexta-feira (25) após uma viagem de Boa Vista com destino à Manaus.

Os corpos foram encontrados no próprio carro da família, um Honda City de cor grafite placa NON-9378 em um lago no km 235 da BR-174, na manhã desta terça-feira (29).

O policial rodoviário federal Luciano Campos, informou ao PortalD24AM, às 9h, que a PRF fazia buscas entre os quilômetros 208 e 250. “Mobilizamos sete equipes nessa área justamente porque se caso algo tivesse acontecido, teria sido por lá. Além da PRF, o Governo do Estado disponibilizou um helicóptero para ajudar nas buscas”, informou Campos.

Além da PRF, a Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros participavam das buscas.

Até o momento, conforme a PRF, não há informações de como estavam os corpos quando foram encontrados, mas a perícia vai verificar as causas do acidente. 

De acordo com o coronel Antônio Dias, do Corpo de Bombeiros, oito bombeiros, entre eles mergulhadores, foram encaminhados para participar das buscas.

Anúncio
Anúncio