Acusado de assédio, participante do ‘BBB 20’ recebe intimação

De acordo com o documento, Petrix Barbosa tem até a próxima sexta-feira (7) para deixar o programa e se apresentar às autoridades policiais

Manaus – Uma intimação foi entregue ao ginasta Petrix Barbosa, participante do ‘Big Brother Brasil 20’, na tarde desta segunda-feira (3), pela Polícia Civil do Rio de Janeiro, por meio da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) de Jacarepaguá. Petrix é acusado de assédio sexual durante a atual edição do reality show.

Indicado para o paredão desta semana, o ginasta Petrix é o mais votado até o momento para deixar o programa (Foto: Divulgação)

A intimação foi entregue na Central Globo de Produção, conhecida como Projac, onde o ‘BBB’ é gravado. De acordo com o documento, o ginasta tem até a próxima sexta-feira (7) para deixar o programa e se apresentar às autoridades policiais.

Atualmente, Petrix está no ‘paredão’ do programa, e disputa com outros quatro participantes a permanência no programa. Caso seja o mais votado pelo público, terá que deixar a atração nesta terça-feira (4). Até o fechamento desta matéria o ginasta era o mais votado para sair da casa, com 74,47% dos votos, de acordo com enquete do ‘Uol’.

São três as acusações de assédio sexual contra Petrix Barbosa. Duas envolvem Bianca Andrade, participante conhecida como ‘Bosa Rosa’: Petrix chegou a se esfregar nela pelas costas e a tocar e balançar seus seios, enquanto ela estava bêbada. E o ginasta ainda esfregou as suas partes íntimas na cabeça da ‘sister’ Flayslane, que também estava bêbada nesse momento.

Petrix disputa o paredão da semana com Babu, Hadson e Pyong.

Anúncio