Escalafobéticos apresentam espetáculo inspirado em contos de Caio Fernando Abreu

“Amores Urbanos” estreia nesta quarta-feira (23), com sessões às 18h e às 20h, na Casa de Artes Trilhares

Manaus – A Cia de Atores Escalafobéticos estreia nesta quarta-feira (23), com sessões às 18h e às 20h, o espetáculo “Amores Urbanos”, baseado em contos do escritor brasileiro Caio Fernando Abreu. A apresentação é gratuita e ocorrerá na Casa de Artes Trilhares, na Rua Belo Horizonte, nº 1408, bairro Adrianópolis, zona centro-sul de Manaus. O projeto foi contemplado com o Prêmio Manaus de Conexões Culturais 2020 – Lei Aldir Blanc.

Com direção de Wallace Abreu, tendo os atores Eduardo Gomes e Patrícia Borges no elenco, a produção marca o início das comemorações de 15 anos da companhia. “Essa é a segunda montagem que fazemos em Manaus utilizando contos do Caio Fernando Abreu. Para esta nova versão do espetáculo escolhemos ‘Para uma avenca caindo’, ‘Caixinha de Música’ e ‘Os sobreviventes’. Os três contos têm como conflito principal temas relacionados ao término de relacionamentos”, explicou o diretor.

“Caio Fernando Abreu é um escritor brasileiro que apresenta uma visão dramática do mundo moderno e é considerado por muitos críticos como um ‘fotógrafo da fragmentação contemporânea’. Apontado como um dos expoentes de sua geração, a obra de Caio, escrita num estilo econômico em bem pessoal, fala de sexo, medo, morte e, principalmente, angústia e solidão”, completou Abreu.

“Amore Urbanos” marca o início das comemorações de 15 anos da Cia de Atores Escalafobéticos (Foto: Divulgação)

Cia de Atores

A Cia de Atores Escalafobéticos é uma das mais atuantes no cenário teatral local, completando em 2021, quinze anos de atividades ininterruptas. Em seu histórico, 17 montagens cênicas e dezenas de artistas e técnicos que passaram por seus processos artísticos.

Em 2020, a Cia de Atores Escalafobéticos foi diretamente afetada pelos efeitos restritivos da pandemia do novo coronavírus. Agora, com recursos oriundos da Lei Aldir Blanc, busca retomar sua agenda de atividades, dando sequência ao trabalho artístico que desenvolve na cidade de Manaus.

“A proposta justifica-se ainda pela relevância de levar novamente aos palcos obras de Caio Fernando Abreu, tanto pela qualidade artística e literária das obras, quanto pelas temáticas sociais e humanas abordadas, diante do atual contexto em que estamos inseridos mundialmente”, pontuou Eduardo, que também é produtor do espetáculo.

“Caio, com todo seu lirismo, nos possibilita um momento de reflexão sobre a vida e sobre nós mesmos. É uma obra atual e importante, viva e pulsante”, finalizou.

Para as apresentações, a cia atenderá todas as recomendações dos órgãos de saúde, para a prevenção contra a proliferação da Covid-19, como medição de temperatura, uso de máscaras e distribuição de álcool em gel.

Anúncio