Tributo a Linkin Park terá ação solidária e de combate à depressão, no Teatro Amazonas

Evento está previsto para o dia 19 de setembro. Além de tocar os maiores sucessos da banda, o tributo pretende abordar sobre o tema depressão, causa da morte do vocalista Chester Bennington, no mês passado

Manaus – A banda Bates Motel fará um show beneficente no Teatro Amazonas, no dia 19 de setembro, em homenagem ao vocalista da banda norte-americana Linkin Park, Chester Bennington, que foi encontrado morto no dia de 20 de julho deste ano. De acordo com a banda, sucessos como Numb, Faint, One Step Closet e algumas músicas novas do grupo de rock não ficarão de fora.

O projeto visa, além da apresentação musical, abordar os assuntos relacionado a depressão, com especialistas da área como Diego Melo e Giselle Menezes. “Vivemos tempos onde a falta de empatia predomina e as pessoas não têm ainda uma ideia clara sobre o quão avassaladora é a depressão”, disse o guitarrista da banda, Thiago Carv.

Depressão causou a morte do vocalista de uma das maiores bandas de rock da atualidade (Foto: Divulgação)

O guitarrista diz que têm amigos que fazem o tratamento contra a doença e que as pessoas ainda ligam depressão a ‘frescura’ e a carência. “A ideia é que o ‘entender a depressão’ alcance mais e mais pessoas”, completa. O Concerto se encaixa na campanha Setembro Amarelo, que é voltado ao combate do suicídio.

Além de conscientizar as pessoas, o evento será beneficente com a arrecadação de livros e brinquedos, que serão doados à Casa Andréa, que acolhe pessoas com hanseníase. “Eu mesmo fui até a Casa Andréa e conversei com o administrador, o Senhor Newton. Ele me mostrou a realidade da casa, as dificuldades, o ‘esquecimento’ e me ensinou um pouco sobre persistência”, disse Thiago.

A banda, que já fez vários especiais em casas noturnas de Manaus, já se propôs ajudar mais vezes essa causa. “Já depois do especial, estaremos agilizando outros eventos para arrecadação de alimentos”, conta.

Os ingressos serão adquiridos no dia do evento, a partir das 18h30, na portaria do Teatro Amazonas, onde será formada uma fila em que os integrantes do Acadêmicos da Alegria passarão recolhendo as doações de brinquedos e livros (de preferência contos ou histórias) por ordem de chegada. Independente da quantidade doada, cada pessoa ganhará apenas uma pulseira que dará acesso ao show.

Anúncio