Disney responde Scarlett Johansson após atriz processar estúdio

Scarlett Johansson processa Disney pelo lançamento simultâneo do filme ‘Viúva Negra’ nos cinemas e em serviço de streaming

Estados Unidos – A Disney respondeu à atriz Scarlett Johansson, nesta sexta-feira (30), após ela abrir um processo alegando que o estúdio quebrou seu contrato ao lançar o filme “Viúva Negra” simultaneamente nos cinemas e no streaming Disney +.

Scarlett Johansson processa Disney pelo lançamento simultâneo do filme ‘Viúva Negra’ nos cinemas e em serviço de streaming (Foto: Divulgação / Marvel)

A Disney comunicou em nota que a ação “não tem mérito” e que Scarlett teria recebido mais do que foi combinado anteriormente.

“Não há mérito algum neste processo. Esse processo é uma decisão triste e angustiante por seu desrespeito implacável pelos horríveis e prolongados efeitos globais causados pela pandemia do Coronavírus. A Disney cumpriu totalmente com o contrato da Sra. Johansson e, além disso, o lançamento de ‘Viúva Negra’ na Disney+ com o Premier Access rendeu a ela uma compensação adicional significativa além dos US$ 20 milhões que ela recebeu até agora”, disse um representante à revista Variety.

Após o pronunciamento da Disney foi a vez do agente da atriz se pronunciar sobre o caso. Bryan Lourd, co-presidente e agente da Creative Artists Agency, rebateu as acusações feitas pelo estúdio contra Scarlett Johansson. Em um comunicado para o site Deadline, o agente criticou o pronunciamento e revelou qual seria o objetivo da Disney com o assunto.

“Quero abordar a declaração da Walt Disney Company que foi emitida em resposta ao processo movido contra ele ontem (29) por nossa cliente Scarlett Johansson. Eles acusaram descarada e falsamente a Sra. Johansson de ser insensível à pandemia global da Covid-19, em uma tentativa de fazê-la parecer alguém que eles e eu sabemos que ela não é”, iniciou Bryan Lourd.

O agente ainda continou dizendo que Scarlett trabalhou em parceria com a Disney em nove filmes e que essas produções renderam bilhões de doláres nas bilheterias mundiais para o estúdio e os acionistas. Ele ainda reforçou que o processo foi movido pela atriz após o estúdio violar intencionalmente o contrato com Johansson.

Entenda o caso

A atriz e produtora Scarlett Johansson abriu um processo na justiça americana nesta quinta-feira (29), contra a Disney pelo lançamento simultâneo do filme Viúva Negra no cinema e no serviço de streaming Disney +. Segundo o  The Wall Street Journal, Scarlett alega que a decisão do estúdio consiste em uma quebra de contrato, considerando que no documento dizia que o filme seria lançado exclusivamente nos cinemas.

Anúncio