Espetáculo do Amazonas realiza temporada virtual no Itaú Cultural

O acesso é gratuito e a peça-filme pode ser conferida até o dia 29 deste mês

Manaus – Em uma nova versão, agora remontado em uma linguagem de peça-filme, o espetáculo Marília Gabriela Não Vai Mais Morrer Sozinha, do grupo amazonense Coletivo UTC-4, estará em cartaz, ao longo do mês de maio, no Palco Virtual adulto do Itaú Cultural.

(Foto: Divulgação / Ingrid Anne)

O acesso é gratuito e a peça-filme pode ser conferida 24 horas por dia, até às 23h59 do dia 29 de maio, no endereço www.youtube/itaucultural.

Estreado em 2018, Marília Gabriela Não Vai Mais Morrer Sozinha a dá continuidade à proposta do grupo de levar ao palco contos da literatura brasileira adaptados para a contemporaneidade.

Inspirado em recortes de textos de autores como Marcelino Freire, Milton Hatoum, Copi e Valère Novarina, o espetáculo se passa em um universo distópico, imaginário, no qual quatro atores são personagens de si mesmos, e se encontram apenas pra dizer algo, mas não sabem como começar. Procuram por palavras, que talvez não estejam ali e nem em lugar algum. Mas eles estão no palco, e acreditam que o teatro é o lugar de se dizer algo.

Diante de uma possibilidade de finitude, os atores buscam se reinventar. Entre outras coisas, se questionam se de fato são reais ou personagens saídos de um livro, e onde começa a ficção e termina a realidade. A proposta do espetáculo, no entanto, é transformar as questões em cenas as mais viscerais possíveis.

Visualidades de Manaus

Gravada em diversas localidades da capital do Amazonas, a peça-filme traz cenas como na Manaus Moderna e o grande templo da cultura amazonense: o Teatro Amazonas. O espetáculo ainda traz imagens da histórica cheia do Rio Amazonas, em 2021, e retrata como a cidade de Manaus se viu numa condição de berlinda das questões mais urgentes envolvendo a sobrevivência de seus cidadãos.

Na versão em peça-filme, o espetáculo manteve a concepção artística de Óscar Ramos, que, ainda em vida, realizou a direção de arte da primeira montagem para os palcos. Além dele, outro nome nacional de destaque é a coreógrafa e bailarina, Marcia Rubim, que assina a preparação de elenco, protagonizada por Ana Oliveira, Carol Santa Ana e Dyego M. Os encontros com Márcia foram realizados de forma virtual, na qual foram realizados exercícios, laboratórios e técnicas para o desenvolvimento do trabalho de interpretação do elenco.

Itaú Cultural

Em maio, a programação teatral do Itaú Cultural mescla atividades presenciais, virtuais e, pela primeira vez, em formato híbrido, disponibilizando on-line ao público o mesmo espetáculo em cartaz presencialmente na Sala Itaú Cultural. A programação completa pode ser conferida no site www.itaucultural.org.br  e nas redes sociais oficiais do Itaú Cultural.

Anúncio