Dia da Cultura tem atrações gratuitas em Manaus

Exposições e espetáculos compõem a agenda desta quinta-feira (5) em homenagem a data. O acesso aos eventos é gratuito com agendamento pelos sites oficiais da SEC na internet

Manaus – No Dia Nacional da Cultura, celebrado nesta quinta-feira (5), a Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa (SEC), apresenta uma agenda ampla e gratuita em homenagem a data, com abertura de exposições e espetáculos.

A SEC preparou programação especial, mas vai disponibilizar um número limitado de vagas, uma vez que é necessário o cumprimento rigoroso dos protocolos para prevenir a transmissão da Covid-19. Entre as medidas adotadas estão o distanciamento social de 1,5 metro, totens de álcool em gel em pontos estratégicos, funcionários treinados e com equipamentos de proteção, aferição de temperatura na entrada do espaço e limpeza e higienização do local. O uso de máscara é obrigatório.

Danças, exposições e orquestram seguem protocolos contra a Covid (Foto: Michael Dantas/SEC)

“Temos todo cuidado, monitoramento e controle para que o público e nossos colaboradores estejam num ambiente seguro”, comenta o titular de Cultura e Economia Criativa. “Queremos evidenciar esta data com conteúdo significativo, mas com responsabilidade, principalmente quando enfrentamos o novo coronavírus, e a cultura tem sido tão importante para atravessar esse momento delicado”.

No Palacete Provincial, localizado na Praça Heliodoro Balbi, no Centro, às 9h, acontece a abertura da exposição ‘Traços Tribais’, de Noleto, com curadoria de Jandr Reis.
O espaço funciona de terça-feira a sábado, das 9h às 15h, com agendamento no Portal da Cultura.

Às 10h e às 14h30, no hall do Teatro Amazonas, no Largo de São Sebastião, o Balé Folclórico do Amazonas apresenta trechos do espetáculo ‘Dançando Nossos Compositores’. Serão exibidas coreografias em repertório de Raízes Caboclas e Celdo Braga.

Já na Galeria do Largo, também no Largo de São Sebastião, às 18h, vai ser a vez de inaugurar a exposição ‘05ReferênciasAmazônidas’, que faz parte da comemoração dos 15 anos do equipamento cultural. A mostra conta com obras de Moacir Andrade, Óscar Ramos, Hahnemann Bacelar, Bernadete Andrade e Roberto Evangelista, com concepção expositiva de Cristovão Coutinho e texto curatorial de Luciane Páscoa. A casa funciona das 15h às 20h, de terça-feira a domingo.

Às 20h, a Amazonas Filarmônica sobe ao palco do Teatro Amazonas para apresentar obras de Bohuslav Martinu e Nino Rota. O acesso é pelo Portal da Cultura e pelo site do Teatro Amazonas.

Instituído por meio de lei federal em 1970, a data é uma homenagem ao jornalista, político, jurista e intelectual Rui Barbosa.

Anúncio