Após morte de Marília Mendonça, fãs relembram de Cristiano Araújo e Gabriel Diniz

O acidente aéreo que vitimou Marília, fez com que os fãs relembrasse a morte trágica dos cantores Cristiano Araújo e Gabriel Diniz

São Paulo – A morte da cantora Marília Mendonça na tarde desta sexta-feira (5) pegou todos os fãs de surpresa. O avião que levava a cantora e sua equipe caiu na serra da Carantiga, em Minas Gerais. O acidente aéreo fez com que os fãs relembrasse a morte trágica dos cantores Cristiano Araújo e Gabriel Diniz.

O acidente aéreo que vitimou Marília, fez com que os fãs relembrasse a morte trágica dos cantores Cristiano Araújo e Gabriel Diniz (Foto: Reprodução)

Gabriel Diniz, que estava no auge de sua carreira, morreu aos 28 anos também em um acidente de avião em 2019. O cantor estava fazendo sucesso com várias músicas, incluindo o hit “Jeniffer”, quando a aeronave que estava a bordo caiu em uma região de manguezal do Porto do Mato, próximo da divisa entre Sergipe e Bahia. Diniz estava indo ao encontro da namorada em Alagoas.

Outro tragédia que os fãs estão comentando nas rede sociais é sobre a morte de Cristiano Araújo aos 29 anos. O cantor e a namorada dele, Allana Moraes, morreram em um acidente de carro em Morrinhos, no sul goiano, em 24 de junho de 2015, quando voltavam de um show. O motorista foi condenado  a 2 anos e 7 meses de detenção, em regime aberto, pelo crime.

Na queda do avião de Marília desta sexta-feira (5), o produtor Henrique Bahia também não sobreviveu. Ele era produtor de Cristiano Araújo antes de ir trabalhar com a cantora.

MC Kevin e Paulo Gustavo

Ainda nas redes sociais, os fãs também relembram as mortes trágicas de 20212 do cantor MC Kevin e do ator Paulo Gustavo.

O funkeiro Kevin Nascimento Bueno, 23, conhecido como MC Kevin, morreu em maio deste ano ao tentar pular de uma sacada para outra do hotel onde estava hospedado, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio.

Ator, humorista, diretor e roteirista, Paulo Gustavo morreu também em maio, aos 42 anos em decorrência de complicações da Covid-19. Paulo chegou a ficar desde o dia 13 de março, em um hospital no Rio de Janeiro

Anúncio