Cantora do ‘ABBA’ se torna juíza em fake news de bolsonaristas

A cantora não é a primeira famosa a ter a imagem utilizada para propagação de notícias falsas

Manaus – A cantora Agnetha Faktskog, da banda ABBA, teve a imagem utilizada em uma fake news disseminada por apoiadores de Bolsonaro.

(Foto: Divulgação)

Em um vídeo propagado nas redes sociais, a cantora recebe o nome de “Anna Åse”, e é referida como uma “renomada juíza sueca”.

A notícia falsa diz que a suposta ministra teria questionado o resultado das eleições do Brasil e citado “indícios de fraude” em um programa de tv.

“As pessoas são vencidas pelo medo, como algo estranho que tem acontecido no Brasil com a reeleição do Presidente Bolsonaro. É realmente duvidoso um presidente tão popular ser o primeiro a não se reeleger, principalmente com indícios tão claros de fraudes no sistema eleitoral brasileiro”, teria dito a tal “magistrada sueca”, conforme a notícia falsa.

O vídeo utilizado para propagar a fake news, é uma entrevista que a cantora concedeu a um programa sueco em 2013. No trecho, a cantora fala sobre carreira e vida pessoal.

A cantora do ABBA não é a primeira a ter a imagem usada em fake news, após o segundo turno das eleições. A ex-atriz pornô Mia Khalifa e a cantora Lady Gaga, também já foram alvo de notícias falsas.

Anúncio