Djonga dá soco em segurança do Mineirão no jogo do Galo; veja vídeo

Djonga aparece em um vídeo agredindo um segurança do estádio. Pelo twitter, o rapper esclareceu a situação e disse que foi vítima de racismo

Belo Horizonte – O rapper Djonga, torcedor do Atlético-MG, foi flagrado na noite deste domingo (12), durante a final da Copa do Brasil entre o Galo e Athlético-PR, dando um soco no rosto de um segurança do Mineirão. O vídeo viralizou nas redes sociais e Djonga explicou a situação.

Os funcionários prestaram queixa contra o músico. Um segurança contou que, ao passar de um setor para o outro do estádio, viu a confusão envolvendo outros colegas. Segundo o boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM), alguns torcedores tentavam passar por uma barreira que estava instalada, e nesse momento Djonga teria agredido os seguranças com socos e pontapés.

A assessoria do rapper se manifestou e disse que ele teria revidado a um ataque físico e verbal do segurança. Pelo Twitter, Djonga explicou que foi vítima de racismo e discriminação.

“Sobre racismo, discriminação, pessoas invasivas, não se prova e não se explica, alguns vão acreditar, outros não. A maioria das vezes passa batido, dessa vez reagi (com) um soco, perdi a cabeça mesmo… o vídeo é um trecho do que rolou, o resto tá guardado na memória… Fiz, está feito!”, disse o músico.

Anúncio