Em entrevista à revista britânica LGBTQI+, Anitta fala sobre sua bissexualidade

Na  matéria, a cantora falou sobre o apagamento da sua bissexualidade e preconceitos de fora e dentro da comunidade

Foto: Reprodução Instagram

Anitta é a estrela da capa da edição de verão da Gay Times, famosa revista britânica focada no público LGBTQIA+. Na  matéria, a cantora falou sobre o apagamento da sua bissexualidade e preconceitos de fora e dentro da comunidade.

“Quando se trata de bissexualidade, é meio complicado porque antes de tudo, eu nunca namorei uma mulher. Eu tive relacionamentos com garotas, mas foi muito casual. Nunca namoramos e não foi uma situação de longo prazo”, disse a artista.

“Acredito que deveríamos ser honestos e as outras pessoas, mesmo de dentro da comunidade, não deveriam julgar ou criar expectativas sobre o jeito de cada um agir e o caminho que deseja para si. É um tema muito delicado e deveríamos respeitar a maneira dos outros se encontrarem. Deveríamos ser livres para fazer o que quiséssemos”, destacou a artista.

A diva também contou à revista que considera importante falar sobre sexualidade publicamente:

“Quando vemos outras pessoas aparecendo e falando ‘sim, essa sou eu’, isso ajuda quem ainda precisa de um pouco de coragem. É bom. Sentem que estão sendo representados e têm mais pessoas com eles. Acho que é muito importante.”

*Com informações do GaúchaGH

Anúncio