Filha caçula do cantor Belo é presa acusada de golpe milionário

Aluna de odontologia Isadora Alkimin, de 21 anos, filha mais nova do artista, foi detida no Rio acusada de participar de quadrilha de golpes eletrônicos

Rio de Janeiro – A filha do cantor Belo, a estudante de odontologia Isadora Alkimin, de 21 anos, foi presa nesta quarta-feira (11), acusada de participar de uma quadrilha de golpes eletrônicos. Isabela foi presa no Rio, em flagrante, por agentes da Delegacia de Combate às Drogas (DCOD) no Rio.

A estudante, que é a caçula do pagodeiro, está sendo acusada de participar de uma organização criminosa junto com mais 15 pessoas. A quadrilha fazia com que as vítimas repassassem dados bancários e entregassem cartões de crédito a motoboys. A polícia vinha recebendo denúncias do golpe há meses.

Na operação policial que prendeu Isabela e outras pessoas, foram apreendidos máquinas de cartão, notebooks, cartões de crédito, celulares, entre outros objetos. A investigação apontou que as mulheres têm ligação com traficantes de uma facção no Rio.

Os policiais estimam que a organização criminosa conseguia lucrar de R$ 600 mil a R$ 1 milhão por mês. A prisão da quadrilha, na manhã desta quarta, na Barra da Tijuca, foi feita em flagrante depois de uma denúncia anônima. Isadora teve celular e computadores apreendidos.

Leia mais: Ana Hickmann se declara após marido revelar câncer: ‘Vai superar’

Belo teria ficado arrasado com a notícia. Além da pensão, o cantor paga a faculdade da jovem e tem contato semanal com ela. Segundo fontes, a jovem é a ‘queridinha’ do papai, por ser muito carinhosa e a caçula de quatro filhos. O cantor já estaria providenciando ajuda jurídica para a filha.

Casado com Gracyanne Barbosa, Belo é pai de Arthur, de 27 anos, Paula Cristina, de 25, e Ingrid, de 23. Ele ainda tem uma neta, Hanny. Procurado pelo KTV, o cantor ainda não se manifestou sobre o assunto.

Anúncio