Irmã de Paulo Gustavo desabafa sobre fake news: ‘Tenham empatia’

Juliana Amaral disse que sua família tem passado por um momento complicado e que as notícias falsas são como ‘flechas no coração’

São Paulo – Irmã de Paulo Gustavo, Juliana Amaral, desabafou nas redes sociais sobre as notícias falsas que têm circulado na internet sobre o estado de saúde do ator, internado com Covid-19 desde o dia 13 de março. Ela disse que está passando pelo momento mais difícil da vida e pediu a compreensão de todos para não disseminarem notícias falsas.

“Imagine-se passando pelo momento mais difícil da sua vida, na qual seu irmão, a pessoa mais importante para você, está lutando pela vida. Você precisa ser forte, tirar forças de lugares que nem sabia que tinha, para apoiar a sua mãe, uma senhora de idade que teme pela vida de seu filho. Agora, imagine-se passar por isso, tendo que constantemente ler notícias enganosas, como por exemplo, que seu irmão perdeu a batalha. Sei que milhares de famílias brasileiras estão passando pelo mesmo do que a minha. Por isso, eu suplico aos jornalistas, que tenham empatia e deixem de espalhar notícias falsas buscando ganhar cliques ou visibilidade as custas de nossa angústia e a dos fãs”, disse.

Juliana ainda comparou as mensagens falsas como “flechas em seu coração”. “Cada mensagem ou ligação que recebemos de algum parente ou amigo que leu alguma fake news, buscando esclarecer os fatos, vem como uma flecha em nossos corações, já tão aflitos. Meu irmão vai voltar! Ele vai vencer esta luta, e se Deus quiser, logo voltará a fazer aquilo que faz de melhor: trará alegria para as casas de todos vocês. Tenhamos humanidade, tenhamos empatia”, pediu.

O desabafo da irmã acontece no mesmo dias em que o último boletim médico de Paulo Gustavo informou que ele passou uma microcirurgia devido às complicações pulmonares. A equipe médica ainda informou que o estado de saúde do ator é grave, porém estável.

Internação de Paulo Gustavo

O comediante está internado desde o dia 13 de março, em um hospital particular do Rio de Janeiro, após ser diagnosticado com Covid-19 — doença sistêmica provocada pelo novo coronavírus. Segundo informações da equipe do ator, ele foi hospitalizado por orientação médica.

Uma semana após a confirmação da internação, Paulo Gustavo precisou ser transferido para a UTI (Unidade de Terapia Intensiva) para ser intubado. “A assessoria confirma, por meio deste comunicado, que o ator, em plena consciência de seu estado, necessitou entrar em ventilação mecânica invasiva, para ser tratado de forma mais segura”, diz um dos trechos da nota.

No dia 2 de abril, o quadro do humorista piorou e ele foi submetido ao uso de ECMO (Oxigenação por Membrana Extracorpórea) — aparelho que funciona como um pulmão artificial e oferece oxigenação para pacientes em estado crítico. Desde que iniciou a terapia, ele apresentou sinas de melhora, segundo boletim médico divulgado no último dia 5.

Anúncio