Isabelle Drummond é acusada de construir igreja no quintal sem autorização

Questionada por internautas, a produtora afirmou que derrubou a construção feita supostamente sem sua permissão.

Rio de Janeiro – O nome da atriz Isabelle Drummond ficou entre os termos mais comentados do Twitter na madrugada de sexta (13) para sábado (14) após um post que viralizou com uma acusação. A produtora de audiovisual Mariana Rocha afirma que a atriz foi sua locatária em um imóvel no Rio de Janeiro durante dois anos e que construiu uma igreja no quintal sem sua autorização.

Isabelle Drummond é acusada de construir igreja no quintal sem autorização. (Foto: Reprodução/Instagram)

“Inacreditável. A atriz Isabelle Drummond alugou minha casa por dois anos, construiu uma igreja no meu quintal sem a minha autorização e, pra surpresa minha, me bloqueou nas redes sociais. Por quê? Ninguém sabe que ela tem uma igreja evangélica?”, publicou Mariana.

Questionada por internautas, a produtora afirmou que derrubou a construção feita supostamente sem sua permissão.

Isabelle Drummond tem a igreja Casa Shores Rio registrada em seu nome com outros mais três sócios. A sede da organização religiosa criada em março deste ano, no entanto, consta em outro endereço no registro do CNPJ: uma sala comercial na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

Entre os diretores da igreja, está Mariana Fernandes, que também é dona da Levê Pocket, empresa de refeições em pote criada em 2017, da qual Isabelle Drummond também faz parte.

Procurada imprensa, Mariana Rocha confirmou a acusação do post –o qual definiu como “desabafo”–, mas preferiu não esticar mais o assunto. Até a publicação deste texto, a assessoria de Isabelle não foi encontrada para comentar o caso.

(UOL)

Anúncio