Morre Arnaldo Jabor, jornalista e cineasta que fez história no Cinema Novo

Ele estava internado no Hospital Sírio-Libanês desde dezembro

São Paulo – O jornalista e cineasta Arnaldo Jabor morreu aos 81 anos no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, na madrugada desta terça-feira (15). Ele estava hospitalizado desde 17 de dezembro do ano passado.

(Foto: Reprodução Instagram)

Jabor era conhecido por integrar a geração do cinema novo, que revolucionou o audiovisual nacional.

Segundo a família, a causa da morte foram complicações do AVC sofrido desde a sua hospitalização ainda ano passado.  Na manhã desta terça-feira, a produtora de cinema Suzana Villas Boas, ex-mulher de Jabor e mãe de seu filho escreveu “Jabor virou estrela, meu filho perdeu o pai, e o Brasil perdeu um grande brasileiro” numa rede social. De acordo com assessores, Jabor ainda deixa um filme inédito.

Anúncio