Filme sobre conto de Hatoum é premiado em festival na Estônia

Trama de três irmãos que se apaixonam pela mesma mulher em uma viagem pelo Rio Negro

Manaus – O filme ‘O Rio do Desejo’, baseado no conto ‘O Adeus do Comandante’, do amazonense Milton Hatoum, sobre um comandante de barco que transporta um passageiro em uma longa e arriscada viagem pelo Rio Negro, foi contemplado com  o com o prêmio de Melhor Fotografia na 26ª edição do renomado Festival Tallinn Black Nights (PÖFF), na Estônia. O prêmio foi para o diretor de fotografia Adrian Teijido ( O Palhaço’).

(Foto: Reprodução)

“O Rio do Desejo é um filme em que pude mergulhar na Amazônia de Milton Hatoum e de cabeça aberta imprimir nossa maravilhosa Amazônia de uma forma muito sensitiva e pessoal. Quando filmo na região Norte, sinto que esse esplendor visual não cabe dentro de um quadro. Agradeço aos produtores da TC Filmes, Gullane, a esse espetacular elenco e em especial a esse artista e amigo Sérgio Machado. Que o novo governo cuide da Amazônia e do povo amazonense”, disse Teijido.
Para o diretor Sérgio Machado, o filme não poderia ter começado melhor. “As sessões estavam todas lotadas, muito entusiasmo do público e muitos aplausos, críticas excelentes e, para coroar tudo, a merecida premiação de melhor fotografia para Adrian Teijido. Ele foi um parceiro especial e contribuiu muito para levar essa história pra tela”,  disse.
Previsto para chegar ao Brasil em março de 2023, o longa-metragem rodado no Amazonas é estrelado por Daniel de Oliveira, Sophie Charlotte, Gabriel Leone e Rômulo Braga. A trama acompanha uma situação complexa entre três irmãos que se apaixonam pela mesma mulher. A narrativa acompanha Dalberto (Daniel de Oliveira), Durante esse período de ausência, sua parceira Anaíra (Sophie Charlotte) acaba se aproximando dos irmãos de Dalberto, Armando (Gabriel Leone) e Dalmo (Rômulo Braga).
Já o produtor Fabiano Gullane reiterou a importância do prêmio.  “É uma honra começar a trajetória do filme recebendo um dos principais prêmios, de um dos festivais mais importantes do mundo”, disse.

Anúncio