Manauscult abre ciclo de lives sobre Lei Aldir Blanc

Representantes da pasta debateram e esclareceram dúvidas da comunidade artística das categorias de teatro, dança e música sobre a lei emergencial

Manaus –  Mais de 60 artistas e agentes culturais participaram das primeiras reuniões virtuais da Prefeitura de Manaus sobre a aplicação da Lei Aldir Blanc, nesta segunda-feira (27). Durante os três encontros realizados ao longo do dia, representantes da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult) debateram e esclareceram dúvidas da comunidade artística das categorias de teatro, dança e música sobre a lei, que tem como objetivo auxiliar trabalhadores e espaços culturais afetados pela pandemia do novo coronavírus.

Ao longo da semana, nos dias 29 e 31, mais seis encontros online serão realizados com segmentos artísticos e culturais da capital para discutir a lei. As reuniões virtuais são realizadas por meio da plataforma Zoom, com cada categoria artística, de acordo com o cronograma planejado pela Manauscult e pelo Conselho Municipal de Cultura (Concultura).

Mais seis encontros online serão realizados com segmentos artísticos (Foto: Divulgação)

Para o ator e diretor Taciano Soares, que participou do encontro da categoria de teatro, a reunião foi uma oportunidade para manifestar as expectativas do segmento. “Acredito que todos os artistas e produtores devem participar ativamente dessas reuniões setoriais, para que possamos compreender o funcionamento da lei e, claro, apresentar as nossas pautas e aquilo que acreditamos ser melhor para o desenvolvimento cultural da cidade”, afirmou.

“É de fundamental importância a participação e colaboração de todos os artistas para que possamos juntos construir este momento. Ao participar das reuniões e darmos sugestões, nós fortalecemos o pensamento do poder público e agregamos valor à classe”, complementou o produtor cultural João Fernandes, que também esteve presente.

Os próximos encontros estão dispostos da seguinte forma: na quarta (290 ocorrem as reuniões com as categorias de audiovisual, das 9h às 10h30; artes visuais, das 11h às 12h30; e espaços culturais, das 14h às 15h30. Já na sexta (31), o ciclo de diálogos encerra com as categorias de manifestações culturais, de 9h às 10h30; circo e artesanato, de 11h às 12h30; e literatura e outros, de 14h às 15h30.

Os links de acesso para cada reunião estão disponíveis no portal Viva Manaus. Todos os interessados poderão participar, respeitando o número limite de integrantes suportado pelo sistema.

Em caso de dúvidas, os interessados podem entrar em contato com a Manauscult pelo e-mail [email protected] ou pelo telefone (92) 98842-7252.

A lei n° 14.017/2020, conhecida como lei Aldir Blanc, prevê auxílio emergencial para trabalhadores e espaços culturais afetados pela pandemia do novo coronavírus.