Morre cantora gospel Ludmila Ferber aos 56 anos

Ex-integrante do grupo Koinonya, Ludmila Ferber lutava contra um câncer desde 2018

São Paulo – A cantora gospel Ludmila Ferber, 56, morreu na tarde desta quarta-feira (26). A pastora foi diagnosticada em 2018 com câncer. “Em tempos de guerra, nunca pare de lutar’. Hoje estou entrando num momento único e surpreendente da minha vida: o tratamento de quimioterapia“, contou ela na época.

(Foto: Reprodução)

O último post de Ludmila em seu Instagram foi na última segunda (24), quando ela citou um trecho de sua canção Buscar Tua Face é Preciso. “‘Quando tudo parece estranho ao redor / Buscar tua face é preciso, Deus / Quando a gente não sabe o que está ocorrendo / Buscar tua face é preciso, Deus”, dizia trecho da canção na legenda.

Casada de 1987 a 2014 com José Antônio Lino, ela deixa três filhas: Daniela Ferber Lino, Ana Lídia Ferber Lino e Vanessa Ferber Lino.

Carreira

Ludmila Ferber integrou o grupo Koinonya, com o qual gravou 8 discos. Em 1996, partiu para a carreira solo e lançou Marcas, seu primeiro álbum. Mais 12 discos de estúdio foram lançados depois disso, o último levou o nome de Um Novo Começo, gravado em 2020 Ela ainda tem nove álbuns ao vivo lançados e um disco dedicado a canções infantis, Meu Amigão do Peito.

Anúncio