‘O Soldadinho de Chumbo’ inspira peça que será encenada neste fim de semana

‘A Hora Mágica’ será levada ao palco do Teatro Manauara neste sábado (25), às 17h, e domingo (26), às 16h; os ingressos estão à venda na bilheteria do local

Manaus – Inspirada no conto de fadas ‘O Soldadinho de Chumbo’, a peça infantil ‘A Hora Mágica’ será a atração deste sábado (25), às 17h, e domingo (26), às 16h, no Teatro Manauara (Manauara Shopping, Avenida Mário Ypiranga, Adrianópolis, zona centro-sul). A montagem é uma produção da Interarte, com ingressos a R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia), à venda na bilheteria do Teatro Manauara, nos postos do Alô Ingressos e pelo www.aloingressos.com.br.

A paixão entre a Bailarina e o Soldadinho de Chumbo acontece num quarto onde os brinquedos ganham vida (Foto: Divulgação)

‘A Hora Mágica’ é escrita e dirigida pelo ator e diretor Roger Barbosa. A inspiração é ‘O Soldadinho de Chumbo’, de Hans Christian Andersen, obra publicada pela primeira vez em 1838. A história do Soldadinho de Chumbo — de estanho no texto original — já foi adaptada para um dos segmentos do filme de animação ‘Fantasia 2000’, dos estúdios Disney, e também serviu de inspiração para o filme ‘Toy Story’ (1995), também produzido pela Disney.

A primeira montagem de ‘A Hora Mágica’ aconteceu em 1998, e foi remontada em 2010, quando ficou dois anos em cartaz, além de receber um prêmio de melhor trilha sonora em 2012. Depois, voltou aos palcos em 2015.

O enredo de ‘A Hora Mágica’ acontece num quarto onde, à meia-noite, os brinquedos despertam e vivem grandes aventuras. Mas, sempre esperta e engraçada, a boneca Maria está preocupada. É que a Laurinha, dona dos brinquedos, tem demorado muito a visitar esse quarto. Maria sempre foi a boneca preferida de Laurinha e agora se sente abandonada.

Já a romântica Isabel é uma bailarina que dança para espantar a tristeza e combater o mau humor de Bufão, um boneco de molas que quer mandar em tudo.

Toda essa rotina é quebrada com a chegada de novos brinquedos. O primeiro é um Soldadinho de Chumbo, que logo ganha a atenção da Bailarina Isabel, deixando o Bufão com muitos ciúmes – a ponto de armar um plano para destruir o Soldadinho.

A história é narrada com músicas e dança, e toda a criação e construção do cenário, figurinos e canções da peça da Interarte busca um diálogo entre o clássico e o moderno.

Fazem parte do elenco Adriano Holmes (Bufão), Ariane Matos (Laurinha), Erika Vale (Monster High), Greyce Carlos (Maria), Marcia Amorim (Isabel, a Bailarina), Raphael Frota (Bernardo, o Soldadinho de Chumbo).