Prêmio Monóculo de Imagem 2020 será realizado neste sábado

Segunda edição do evento começa às 17h, no Centro Cultural Palácio da Justiça, Centro

Manaus – A segunda edição do prêmio Monóculo de Imagem, que busca reconhecer talentos da área da fotografia da Amazônia, será realizada neste sábado (18), no Centro Cultural Palácio da Justiça (Avenida Eduardo Ribeiro, Centro), às 17h. A entrada é gratuita, mas haverá arrecadação de alimentos não perecíveis e latas de leite Ninho, em prol da Ação Social ‘Ribeiros e Ribeirinhos’. A contribuição não é obrigatória.

Exposições fotográficas e homenagens a fotógrafos e videomakers fazem parte da programação do prêmio Monóculo de Imagem (Foto: Rell Santos/Divulgação)

Para o idealizador do prêmio, o fotógrafo Michell Mello, a necessidade de impulsionar a cultura fotográfica no Amazonas para outros nichos de público é o que mais motiva a empreender neste segmento. “Precisamos respirar mais imagem. Incentivar no público a cultura do olhar, o olhar pensante e olhar do mundo a sua volta”, destacou.

A segunda edição do prêmio Monóculo de Imagem também será um momento para celebrar as realizações no campo da arte fotográfica e cinematográfica do Amazonas. “Isso tudo começou há alguns anos com o fotoclube ‘A Escrita da Luz’, que reuniu fotógrafos importantes do cenário local, onde mobilizamos a cidade para promover a atividade da fotografia. Mas foi há dois anos, no Dia do Fotógrafo, que tomei a decisão de investir nessa valorização”, explicou Mello.

Homenagens

Fotógrafos e videomakers que atuam no Amazonas com destaque local, nacional e internacional serão homenageados no prêmio Monóculo de Imagem. “Muitos colegas tiveram um ano de 2019 de reconhecimento em cenários diversos, como Adriana de Lima, Gisele Gomes, Diogo Tompsom, Anne Lucy, Roberto Lélis, Eliton Gomes, Daniel Brandão, Julian Aude, Dane Nazareno, Ellen Gatto, Wandercley de Melo Ramos e outros”, pontuou Mello.

Durante o evento, haverá ainda a premiação de novos talentos da fotografia, em uma homenagem ao fotógrafo Alexandre Fonseca, falecido em dezembro de 2019. Coordenador do fotoclube ‘A Escrita da Luz’, ele era referência e reconhecido pelo bom trabalho desenvolvido no Amazonas.

“Mudamos a programação e diversificamos a grade inserindo também as exposições fotográficas e outras atividades surpresas”, finalizou Mello.

Anúncio