Primeira websérie cristã produzida no AM estreia nesta terça-feira

A história é baseada no diário de um jovem amazonense em meio a pandemia

Manaus – Estreia nesta terça-feira(15), a primeira websérie cristã produzida no estado do Amazonas com elenco 100% regional. A história, “Já Não Sou Eu Quem Vive” é baseado em uma história real, sobre o diário de uma jovem amazonense em meio a pandemia.

(Foto: Reprodução)

As gravações aconteceram entre os dias 23 a 30 de agosto deste ano e valoriza a história e a cultura regional.

A história se passa em meio a pandemia e retrata os últimos seis meses de vida da estudante amazonense Esthefany da Silva Maia, 19 anos. O enredo aborda o cotidiano da jovem e seu envolvimento com o Clube de Desbravadores. O clube é um projeto voluntário que reúne juvenis e adolescentes em atividades que promovem o bem estar físico, mental e espiritual.

Esthefany participava do Clube de Desbravadores no bairro de Santo Agostinho. Após descobrir que era portadora da doença de lúpus, ela passou a escrever suas reflexões em um diário presenteado pelo pai, Armando Maia. A história se passa durante a pandemia da Covid-19 em Manaus.

O roteiro foi escrito por Pollyana Corrêa com direção do cineasta Rudy Barros, ambos da produtora RUDFilms Sudamérica, com sede em Curitiba, PR. “Foi a partir desse caderno que o roteiro começou a ganhar forma, inspirando, inclusive, o próprio título da série e a essência de quem foi essa jovem missionária. Também reconstruímos a história ouvindo várias testemunhas, principalmente os pais da Esthefany”, destaca Pollyana.

A websérie estreia no dia 20 de setembro nas igrejas adventistas do estado e também nas plataformas digitais “Feliz 7 Play”.

O Lançamento da websérie “Já Não Sou Eu Quem Vive” acontece nesta terça-feira(15), exclusivo para imprensa. Depois fica disponível ao público em geral.

Anúncio