Homem suspeito de importunar mulher é morto por marido dela no AM

O marido disparou quatro tiros em direção a vítima durante uma festa dentro de um clube

Apuí – Ronilson Sousa Paz, 30, foi preso pela morte de Dirceu Martins de Morais, que tinha 41 anos. O crime ocorreu no dia 18 de fevereiro deste ano, em um clube do município de Apuí (a 453 quilômetros de Manaus). A vítima teria supostamente importunado a mulher de Ronilson.

blank

(Foto:Divulgação/PC-AM)

De acordo com o delegado Wellington Lucas Militão, da 71ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Apuí, foi possível identificar o autor do crime em menos de 10 dias. A prisão aconteceu na segunda-feira (26). Logo após o fato criminoso, foi instaurado um Inquérito Policial (IP) para investigar a autoria e as circunstâncias do crime.

“Após diligências e oitivas de testemunhas, apuramos que o suspeito disparou quatro tiros em direção a vítima, e fugiu em uma motocicleta. A motivação seria porque Dirceu teria supostamente importunado a esposa do autor, durante uma festa que acontecia naquele local”, disse o delegado.

Foi representada à Justiça pela prisão temporária de Ronilson e a ordem judicial foi decretada pelo Poder Judiciário. O indivíduo foi localizado e preso na residência dele. A motocicleta utilizada na fuga também foi apreendida.

“Vale ressaltar, que ele é um dos envolvidos no crime, e que as investigações irão continuar para identificarmos e localizarmos os demais envolvidos”, relatou Wellington.

Ronilson Sousa Paz responderá por homicídio e ficará à disposição da Justiça.

Anúncio